A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

Direto dos EUA: ‘Linhas vermelhas’ viram saia justa para Obama

O presidente Barack Obama já está sendo visto como o cão que ladra, mas não morde em temas de política internacional.

As ameaças contra a Rússia após a anexação da Crimeia foram recebidas pelo presidente russo, Vladimir Putin, com pouco caso.

Na crise da Síria, Obama traçou uma "linha vermelha" na questão das armas químicas, mas não cumpriu as ameaças quando o presidente Bashar al Assad fez uso delas no conflito civil no país.

O correspondente da BBC Brasil em Washington, Pablo Uchoa, diz que Obama precisa passar uma imagem de pulso firme, mas evitar confrontos armados que não cairiam bem com uma opinião pública cansada de guerra.