Israelenses atacaram casas, túneis e bases de onde alega-se que os palestinos disparem foguetes (BBC)
A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

Israel atinge Faixa de Gaza com novos ataques aéreos

O premiê de Israel, Binyamin Netanyahu, prometeu nesta quarta-feira "intensificar os ataques contra o Hamas" na Faixa de Gaza, dizendo que o grupo "pagará um alto preço".

Israel acusa o Hamas de ter disparado 72 foguetes contra cidades israelenses nesta quarta, após dezenas de ataques aéreos terem sido realizados contra Gaza durante a última madrugada.

O Exército israelense afirma ter feito 129 ataques aéreos contra Gaza nesta quarta, bombardeando túneis, lançadores de foguetes e supostos centros de comando do Hamas.

O presidente de Israel, Shimon Perez, disse à CNN que uma ofensiva terrestre em Gaza "pode acontecer muito em breve".

Direito de imagem BBC World Service
Image caption Israelenses atacaram casas, túneis e bases de onde alega-se que os palestinos disparem foguetes (BBC)

Calcula-se que cerca de 40 palestinos tenham morrido nos mais recentes enfrentamentos com Israel - segundo autoridades de saúde, muitos deles mulheres e crianças.

O Hamas, por sua vez, advertiu que todos os israelenses podem ser alvejados, acusando Israel de violar uma trégua que pôs fim a enfrentamentos em 2012.

A tensão na região se intensificou desde a morte de três jovens israelenses na Cisjordânia no mês passado, seguida do assassinato de um adolescente palestino.