A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

Sequestro em café de Sydney termina com ação da polícia e tiros

Sydney viveu um dia de pânico com a tomada de um café, no centro da maior cidade australiana, por um sequestrador, que fez cerca de 17 reféns.

De longe, era possível ver o sequestrador armado. Ele foi identificado pela polícia como Man Haron Monis, um refugiado iraniano com diversas passagens pela polícia.

Depois de quase 17 horas, o episódio terminou com uma ação policial para retomar o café. Pelas imagens, era possível ouvir dezenas de tiros sendo disparados.

Segundo os policiais, o sequestrador e dois reféns morreram na ação. Outras cinco pessoas ficaram feridas.