O riquixá cor-de-rosa do Paquistão (BBC)
A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

Contra assédio, paquistanesa lança riquixá rosa só para mulheres

Uma ativista paquistanesa lançou um riquixá motorizado que pode ser uma alternativa para mulheres que temem ser vítimas de assédio sexual no transporte público.

O serviço começou a funcionar na cidade de Lahore, mas até agora conta apenas com um veículo. Zara Aslam disse que lançou a ideia porque estava cansada de ser assediada por motoristas homens.

O veículo é um triciclo com uma carroceria de dois lugares. A motorista é sempre uma mulher.

Segundo Aslam, a iniciativa ajuda também a quebrar o estigma de que as mulheres não poderiam ser motoristas.

A ativista diz que agora procura patrocinadores para colocar mais 24 veículos em funcionamento até o fim do ano.