Conheça uma das estrelas da indústria de clonagem de cães na China
A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

'Queríamos que ele vivesse para sempre': Donos de vira-lata famoso na China recorrem à indústria de clonagem

A China deu um novo passo tecnológico ao clonar um cachorro que já estrelou várias produções de TV e cinema.

Juice, que tem até perfil nas redes sociais, era um vira-lata de rua antes de chegar ao estrelato.

"Queríamos que ele vivesse para sempre", relata seu dono, He Jun.

Mas Juice foi castrado quando pequeno e, por isso, não podia ter filhos.

A questão foi contornada pela empresa chinesa de clonagem Sinogene.

Por R$ 200 mil, eles criaram um clone a partir de células de sua barriga.

A amostra foi usada para desenvolver um embrião, implantado em um cachorra.

Meses depois, nasceu um 'pequeno Juice'.

"Acreditamos que ele vá atuar melhor do que Juice. Todos os meus amigos dizem que é o vira-lata mais caro do mundo", brinca He.

"Por isso, vamos ser muito mais cuidadosos com ele do que com outros cães", acrescenta.

A Sinogene tem planos de realizar edição de genoma, o que permite modificar clones.

A China tem uma indústria de biotecnologia avançada, mas controversa.

Em novembro, um cientista do país disse que criou bebês humanos geneticamente modificados.

A iniciativa foi criticada pela comunidade científica, além de ser classificada como ilegal e antiética e de não ter sido comprovada cientificamente.

Tópicos relacionados