'São nosso maior presente': o casal que adotou 6 irmãos de uma só vez e agora tem 22 filhos
A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

1º Natal em casa: a história da família que adotou 6 irmãos e agora tem 22 filhos

Para seis irmãos do Distrito Federal, este será o primeiro Natal num lar, com pai e mãe, árvore decorada, ceia e presentes. Até Papai Noel passou pela nova casa, uma semana antes do dia 25.

Depois de viverem boa parte da infância em abrigos, eles foram adotados neste ano por Joana Célia de Oliveira, 60 anos, e Olavo Borba, 73 anos. E ainda ganharam outros 16 irmãos.

"Para nós, eles são nosso maior presente. É isso que eu quero que eles saibam neste Natal", diz a mãe adotiva.

A adoção dos seis irmãos por uma mesma família é um caso raríssimo, segundo a Vara da Infância e da Juventude do Distrito Federal, que intermediou o contato entre os seis irmãos e o casal.

A grande maioria das pessoas na fila de adoção só aceita crianças de até três anos e não quer irmãos.

A princípio queriam adotar duas crianças ou adolescentes. Mas, quando foram informados de que poderiam escolher dois dentre seis irmãos, optaram por levar todos para casa. "Havia espaço no lar e no coração. Então, decidimos adotar os seis", explica Joana.

Tópicos relacionados