BBC World Service LogoHOMEPAGE | NEWS | SPORT | WORLD SERVICE
Portuguese Pesquisa na BBC Brasil
 
Primeira Página
Saúde &
Tecnologia
Economia
Cultura
Especial
Fórum
Aprenda inglês
ÁUDIO
Dois minutos pelo mundo
Notícias
Mundo Hoje
De Olho
no Mundo
Programação
Como Sintonizar
SERVIÇOS
Parceiros
Sobre a BBC
Expediente
Página simplificada
Fale com a gente
Empregos
E-manchetes
LÍNGUAS
Espanhol
Português para a África
Árabe
Chinêês
Persa
Hindi
Urdu
BBC News
BBC Sport
BBC Weather
 Você está em: Saúde & Tecnologia
17 de março, 2003 - Publicado às 11h22 GMT
Fórum debate crise de água que afeta 1 bilhão de pessoas
Kelman (à direita) recebe o prêmio do príncipe Rachid
Kelman (à direita) recebe o prêmio do príncipe Rachid

O terceiro Fórum Mundial da Água reúne cerca de 10 mil delegados de 150 países no Japão para debater soluções para a crise que atinge mais de 1 bilhão de pessoas no mundo sem acesso a água limpa.

Inevitavelmente ofuscada pela crise no Iraque, a conferência vai discutir durante uma semana temas que, segundo os organizadores, terão mais impacto sobre a humanidade no século 21 do que os atuais acontecimentos no Oriente Médio.

Na abertura do fórum, no domingo, o brasileiro Jerson Kelman, presidente da Agência Nacional de Água, recebeu o Prêmio Mundial de Água, juntamente com Mahmud Abu-Zayd, ministro de Recursos Hídricos e Irrigação do Egito.

O júri internacional justificou sua escolha dizendo que ambos trabalham na busca pelo melhor aproveitamento de água, servindo de exemplo para outros países.

Água da chuva

O prêmio foi entregue pelo príncipe Moulay Rachid, herdeiro do trono do Marrocos.

O príncipe Naruhito, do Japão, abriu o fórum com um alerta de que o mundo enfrenta uma crise de água, com escassez, poluição e enchentes por todo o planeta.

Especialistas da Organização das Nações Unidas (ONU) disseram a delegados que plantações irrigadas com água da chuva teriam um papel importante em abrandar a escassez de água fresca.

O ex-primeiro ministro japonês Ryutaro Hashimoto disse que é importante levantar discussões sobre o assunto.

"Já foi estabelecida uma meta para reduzir pela metade o número de pessoas sem acesso a água limpa e saneamento básico até 2015", disse ele à agência de notícias AFP.

"Agora é hora de perseguir esses objetivos e fazer com que sejam cumpridos. É para isso que está sendo realizado o terceiro Fórum Mundial da Água", acrescentou.

Mas enquanto existe uma concordância em relação à necessidade de se fazer alguma coisa, as soluções estão envoltas em controvérsias, que devem vir à tona nos próximos dias.

Grupos de pressão dizem que o fórum é dominado por empresas privadas que favorecem grandes projetos, como represas e grandes projetos de desvio de água, em vez de técnicas mais simples que poderiam ser usadas para conservar água de maneira mais efetiva para os mais pobres.

Especialistas da ONU pediram no domingo que outros países sigam o exemplo da China no uso da água da chuva em plantações.

O país construiu recentemente tanques para armazenar água da chuva, que fornecem água potável para cerca de 15 milhões de pessoas.

A técnica, antiga e simples, estava sendo deixada em segundo plano em favor de modernas redes de abastecimento.

Em muitas cidades, os sistemas de drenagem foram criados para remover água o mais rapidamente possível, desperdiçando água fresca que poderia ser estocada para o futuro.

Algumas cidades já estão fazendo um uso mais racional da água da chuva.

Em Tóquio, por exemplo, no principal estádio para luta de sumô, canais levam água da chuva do telhado para tanques de amazenamento no subsolo, que servem para abastecer os aparelhos de ar-condicionado que refrescam os espectadores.
 
   PNEUMONIA
Tire suas dúvidas sobre a Síndrome Respiratória Aguda Grave.
   E-MANCHETE
Assine o serviço da BBC Brasil para receber as principais notícias do dia por e-mail.







Notícias relacionadas:
14 de janeiro, 2003
  Filtros de tecido podem diminuir mortes por cólera
10 de janeiro, 2003
  Relatório diz que ativismo ecológico dá resultados
13 de dezembro, 2002
  Encontro em Johanesburgo decepcionou ativistas
01 de novembro, 2002
  ONU tenta salvar o meio ambiente para evitar guerras
30 de outubro, 2002
  OMS lista os maiores riscos à saúde humana
Links externos:
Fórum Mundial da Àgua (em inglês)
A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo dos links externos indicados.
BBC World Service Logo ^^Volta ao início da página
Primeira Página | Saúde & Tecnologia | Economia | Cultura | Especial
Fórum | Aprenda inglês
---------------------------------------------------------------------------------------------------
Programação | Como Sintonizar
Parceiros | Sobre a BBC