BBC World Service LogoHOMEPAGE | NEWS | SPORT | WORLD SERVICE
Portuguese Pesquisa na BBC Brasil
 
Primeira Página
Saúde &
Tecnologia
Economia
Cultura
Especial
Fórum
Aprenda inglês
ÁUDIO
Dois minutos pelo mundo
Notícias
Mundo Hoje
De Olho
no Mundo
Programação
Como Sintonizar
SERVIÇOS
Parceiros
Sobre a BBC
Expediente
Página simplificada
Fale com a gente
Empregos
E-manchetes
LÍNGUAS
Espanhol
Português para a África
Árabe
Chinêês
Persa
Hindi
Urdu
BBC News
BBC Sport
BBC Weather
 Você está em: Saúde & Tecnologia
06 de maio, 2003 - Publicado às 16h32 GMT
Sars ainda pode avançar mais no mundo, alerta OMS
Gro Harlem Brundtland faz alerta em Bruxelas
Gro Harlem Brundtland faz alerta em Bruxelas

A chefe da Organização Mundial da Saúde (OMS), Gro Harlem Brundtland, afirmou que é impossível dizer se a epidemia da pneumonia atípica já atingiu o seu pico ou não, isto é, se ela ainda pode avançar mais.

Ela afirmou que todos os governos do mundo devem levar a sério a ameaça da Sars (sigla em inglês de Síndrome Respiratória Aguda Grave).

Bruntland disse que a Sars é a primeira nova doença deste século e que ainda há a capacidade para se controlar o vírus que causa a doença.

A chefe da OMS fez suas declarações antes de um encontro com ministros da Saúde da União Européia (UE) em Bruxelas, na Bélgica.

Reunião

Os ministros da UE devem discutir medidas para conter a expansão do vírus na Europa, que já registrou cerca de cem casos, mas nenhuma morte.

O primeiro-ministro da Grécia, Costas Simitis, disse que é necessária uma coordenação maior entre os países da Europa para evitar que o vírus se espalhe.

"Ao atingir Atenas, ele pode atingir Londres, ou atingir Lisboa vindo de Helsinki. Isso por causa da livre movimentação de pessoas na Europa", disse Simitis.

Mas ainda não há consenso sobre as medidas a serem tomadas. A Itália, por exemplo, quer que todos os passageiros vindos da China sejam investigados antes de entrar na União Européia.

Outros países consideram a idéia muito radical e acreditam que a investigação deva ocorrer na China, antes de os passageiros embarcarem.

De acordo com um porta-voz do governo britânico, ainda não existe um plano para ser executado. "O encontro é para trocar opiniões e informações."

Clique aqui para ler mais sobre a pneumonia atípica.
 
   PNEUMONIA
Tire suas dúvidas sobre a Síndrome Respiratória Aguda Grave.
   E-MANCHETE
Assine o serviço da BBC Brasil para receber as principais notícias do dia por e-mail.







Notícias relacionadas:
05 de maio, 2003
  Vírus da Sars é mais resistente do que se pensava, diz OMS
02 de maio, 2003
  Pequim prevê que 'levará tempo' até que Sars seja contida
28 de abril, 2003
  Países asiáticos se reúnem para discutir combate à Sars
Links externos:
Organização Mundial da Saúde
A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo dos links externos indicados.
BBC World Service Logo ^^Volta ao início da página
Primeira Página | Saúde & Tecnologia | Economia | Cultura | Especial
Fórum | Aprenda inglês
---------------------------------------------------------------------------------------------------
Programação | Como Sintonizar
Parceiros | Sobre a BBC