BBCBrasil.com
70 anos 1938-2008
Español
Português para a África
Árabe
Chinês
Russo
Inglês
Outras línguas
 
Atualizado às: 01 de agosto, 2005 - 11h45 GMT (08h45 Brasília)
 
Envie por e-mail Versão para impressão
Jovens comem para 'curar' desilusão amorosa, diz estudo
 
Chocolate
Pesquisa britânica comprova busca de consolo em chocolate
Uma pesquisa na Grã-Bretanha indica que um em cada três jovens de entre 15 e 24 anos recorre à junk food - alimentos considerados ruins, de alto teor calórico -, como consolo para problemas na vida amorosa.

O Priory Group, organização que trata de pessoas com problemas de alimentação, entrevistou mil pessoas e descobriu que as pessoas nessa faixa etária são aquelas que comem pior.

Mais de 60% desses jovens disseram comer chocolate para aliviar a desilusão com relacionamentos. Outros 43% disseram ter visitado mais as redes de fast-food ao enfrentar esse tipo de problema.

"Esses jovens adultos, que vão criar a próxima geração, passarão seus hábitos alimentares às suas crianças", disse Peter Rowan, psiquiatra que presta consultoria ao Priory Group.

"Se as atuais tendências continuarem, o comportamento alimentar estará cada vez mais distanciado de um padrão saudável, e o número de jovens com problemas alimentares continuará a aumentar."

Distúrbios

Quase 1,1 milhão de britânicos foram diagnosticados com algum tipo de distúrbio alimentar, mas se acredita que esse número seja bem maior.

Nas estimativas do Priory Group, cerca de 11 milhões de pessoas na Grã-Bretanha (de uma população de 60 milhões) têm algum tipo de problema com alimentação.

O estudo mostra que 52% dos adultos recorrem ao chocolate quando se sentem deprimidos.

A pesquisa reflete também a diminuição da auto-estima daqueles que ganham peso ao buscar consolo no mundo da junk food.

Cerca de 63% dos entrevistados disseram se sentir menos atraentes ao estar acima do peso ideal, enquanto 74% afirmam estar melhor com eles mesmos quando adotam uma alimentação saudável.

"Essas pessoas estão desesperadas para preencher o vácuo criado pela solidão, baixa auto-estima, depressão e insegurança", disse Rowan.

"Você pode descrevê-los como 'famintos por amor'."

 
 
66Audição
Museu expõe aparelhos de última geração; veja.
 
 
66Síndrome de Down
Exposição em Londres tenta acabar com estigma.
 
 
NOTÍCIAS RELACIONADAS
 
 
LINKS EXTERNOS
 
A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo dos links externos indicados.
 
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
 
 
Envie por e-mail Versão para impressão
 
Tempo | Sobre a BBC | Expediente | Newsletter
 
BBC Copyright Logo ^^ Início da página
 
  Primeira Página | Ciência & Saúde | Cultura & Entretenimento | Vídeo & Áudio | Fotos | Especial | Interatividade | Aprenda inglês
 
  BBC News >> | BBC Sport >> | BBC Weather >> | BBC World Service >> | BBC Languages >>
 
  Ajuda | Fale com a gente | Notícias em 32 línguas | Privacidade