70 anos 1938-2008
Español
Português para a África
Árabe
Chinês
Russo
Inglês
Outras línguas
 
Atualizado às: 06 de janeiro, 2006 - 17h19 GMT (15h19 Brasília)
 
Envie por e-mail Versão para impressão
Homem ataca urinol dadaísta com martelo em Paris
 
"Fonte", de Marcel Duchamp
"Fonte", de Marcel Duchamp, já foi atacada anteriormente em 2003
Um francês de 77 anos foi detido em Paris depois de atacar um urinol de porcelana branco considerado uma das obras mais representativas do dadaísmo na França.

O urinol, feito em 1917 pelo artista franco-americano Marcel Duchamp, sofreu danos leves quando o homem o atacou com um martelo na quarta-feira.

A obra, chamada Fonte, sofreu o ataque na quarta-feira no Centro Pompidou, em Paris.

A polícia afirmou que o homem detido na quarta-feira já havia urinado na mesma peça em uma exposição em Nimes, no sul da França, em 1993.

O trabalho estava em exposição em Paris como parte de uma grande mostra de arte Dadaísta e estima-se que valha cerca de 3 milhões de euros (cerca de R$ 8,29 milhões).

Fonte foi retirada da mostra para ser restaurada.

Segundo a polícia, o detido alegou que o ataque com o martelo era uma performance artística e que o próprio Marcel Duchamp teria apreciado tal atitude.

 
 
Escultura de geloArte de inverno
Veja fotos do festival de gelo em Harbin, na China.
 
 
NOTÍCIAS RELACIONADAS
Quadro de Picasso desaparece em museu de Paris
20 de maio, 2004 | Cultura & Entretenimento
Artista britânica 'enrola' com barbante escultura de Rodin
26 de fevereiro, 2003 | Cultura & Entretenimento
LINKS EXTERNOS
A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo dos links externos indicados.
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
 
 
Envie por e-mail Versão para impressão
 
Tempo | Sobre a BBC | Expediente | Newsletter
 
BBC Copyright Logo ^^ Início da página
 
  Primeira Página | Ciência & Saúde | Cultura & Entretenimento | Vídeo & Áudio | Fotos | Especial | Interatividade | Aprenda inglês
 
  BBC News >> | BBC Sport >> | BBC Weather >> | BBC World Service >> | BBC Languages >>
 
  Ajuda | Fale com a gente | Notícias em 32 línguas | Privacidade