O trabalho dos bombeiros na tragédia de Brumadinho; veja fotos

Morador sobre o telhado de sua casa, com o entorno coberto por lama Direito de imagem LUCAS LANDAU/BBC Brasil
Image caption Em Brumadinho, Minas Gerais, uma barragem se rompeu na sexta-feira, deixando, até agora, 287 desaparecidos e 37 mortos

Desde sábado, o fotógrafo Lucas Landau tem percorrido Brumadinho, Minas Gerais, onde uma barragem se rompeu na sexta-feira, deixando centenas de desaparecidos e dezenas de mortos.

Ao lado da equipe do Corpo de Bombeiros, ele viu o resgate de um corpo em um hortifruti que foi engolido pela lama.

"Não dá para identificar o gênero, mas a pessoa estava soterrada, apenas com parte do corpo para fora, debaixo do que antes era um hortifruti. Os bombeiros tiveram que usar caixas para conseguir pisar na lama, que é muito grossa e funda."

As pessoas que aparecem na foto, diz Lucas, são moradores da região ou curiosos, que foram levar mantimentos ou oferecer ajuda à população de Brumadinho.

Direito de imagem LUCAS LANDAU/BBC Brasil
Image caption Ao lado da equipe do Corpo de Bombeiros, fotógrafo viu o resgate de um corpo em um hortifruti que foi engolido pela lama

"Os bombeiros ficaram analisando as margens, procurando pessoas. Não me pareceu um time abatido. Vi pessoas engajadas, com preocupação e vontade. Senti um grande esforço por parte deles, uma união das equipes para encontrarem possíveis sobreviventes."

Direito de imagem LUCAS LANDAU/BBC Brasil
Image caption A equipe de resgate ficou às margens procurando por sobreviventes

As fotos mostram o tamanho da devastação da barragem que se rompeu, demolindo casas, arrastando carros e devastando a vegetação.

Direito de imagem LUCAS LANDAU/BBC Brasil
Image caption Carros foram arrastados pela lama
Direito de imagem LUCAS LANDAU/BBC Brasil
Image caption Carros foram arrastados pela lama
Direito de imagem LUCAS LANDAU/BBC Brasil
Image caption Destroços ficaram espalhados por onde a lama passou

Neste domingo, ele acompanhou o resgate de animais, já que a busca por sobreviventes ficou suspensa ao longo do dia por causa de um risco de novo rompimento, dessa vez da barragem B6. O alarme já foi descartado.

"Fotografei a tentativa de resgate de uma vaca, que não deu certo", conta ele.

Direito de imagem LUCAS LANDAU/BBC Brasil
Image caption "Fotografei a tentativa de resgate de uma vaca, que não deu certo", conta fotógrafo

"Em seguida, os bombeiros foram até uma área remota, pelo mato e pela lama, para procurar sobreviventes ou corpos. Achamos uma casa abandonada, não atingida, com um cachorro e várias gaiolas com passarinhos". Tanto o cão quanto as aves foram socorridas.

Direito de imagem LUCAS LANDAU/BBC Brasil
Image caption Felizmente, conseguiram resgatar um cão em uma casa abandonada que não foi atingida pela lama

"Três gaiolas não couberam nas duas viagens do helicóptero, fazendo com que o bombeiro civil Leôncio Valverdes, 46, os soltasse", relata o fotógrafo.

Direito de imagem LUCAS LANDAU/BBC Brasil
Image caption Bombeiros precisaram soltar pássaros, já que não tinham espaço para transportar as gaiolas

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!