Onda de frio nos EUA: As impressionantes imagens de Chicago congelada

Imagem moistra pessoa fotografando lago congelado em Chicago, em meio à onde de frio que atinge os EUA

Regiões dos Estados Unidos estão enfrentando a mais forte onda de frio das últimas décadas, segundo meteorologistas.

Estas condições extremas, causadas por uma massa de ar gelado em rotação conhecida como vórtice polar, podem fazer a temperatura chegar a até -53°C em alguns locais e trazer graves riscos à população.

De acordo com o Serviço Nacional de Meteorologia dos EUA (NWS, na sigla em inglês), existe a possibilidade de uma pessoa congelar em menos de 10 minutos se sair ao ar livre em circunstâncias como essas.

Desde início da semana, a frente fria já deixou 12 mortos no país. A expectativa é que a temperatura chegue a - 40º até começar a subir na sexta-feira. Escolas, serviços de transporte e o comércio foram afetados.

Este clima - que já afeta dezenas de milhões de pessoas no país e forçou o cancelamento de milhares de voos - levou à declaração de estado de emergência nos Estados de Wisconsin, Michigan e Illinois, no Centro-Oeste, bem como em Alabama e Mississippi, localizados no sul e normalmente mais quentes.

Frio em Chicago

Os meteorologistas previam que em Chicago, no Estado de Illinois, nesta semana seria sentido mais frio que no Everest e na Antártida.

Na quarta-feira, a cidade amanheceu congelada com temperaturas de -30 ºC.

O frio extremo deixou cartões postais em Chicago como os mostrados abaixo:

.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Pule YouTube post, 1
Legenda do vídeo, Alerta: Conteúdo de terceiros pode conter publicidade

Final de YouTube post, 1

Pule YouTube post, 2
Legenda do vídeo, Alerta: Conteúdo de terceiros pode conter publicidade

Final de YouTube post, 2

Pule YouTube post, 3
Legenda do vídeo, Alerta: Conteúdo de terceiros pode conter publicidade

Final de YouTube post, 3