"Cicatriz de Belém”: o presépio murado de Banksy na Cisjordânia

A "Cicatriz de Belém" de Banksy

Crédito, AFP

Legenda da foto,

Wissam Salsaa, gerente do hotel onde obra foi instalada, diz que trabalho "fará com que as pessoas pensem mais"

Uma representação do presépio de Natal do artista britânico Banksy foi instalada em um hotel de Belém, território palestino na Cisjordânia.

A obra, chamada "Scar of Bethlehem" ("Cicatriz de Belém"), mostra o tradicional presépio em que Jesus nasceu junto ao muro que divide Israel dos territórios palestinos.

O paredão está atravessado por um tiro de morteiro, formando a imagem de uma estrela.

A obra também joga com as palavras, uma característica frequente na obra do artista. "Scar", em inglês, significa "cicatriz" e substitui "Star", que significa "estrela" - como na "estrela de Belém", imagem tradicionalmente presente no cenário do Natal.

No Instagram, Banksy disse que sua obra mostra um "Natal modificado".

A Corte Internacional de Justiça - ou tribunal de Haia - declarou que o paredão entre Israel e os territórios palestinos é ilegal.

Israel diz que a construção - oficialmente chamado de "barreira" - é necessária para prevenir ataques terroristas.

Os palestinos dizem que o muro é parte de uma estratégia para os judeus avançarem sobre o território.

A obra de Banksy foi instalada em Belém em um hotel chamado "Walled Off" - ou "murado" - um trocadilho com o nome do hotel luxuoso hotel Waldorf Astoria, em Nova York.

Banksy é um dos sócios do hotel. O gerente, Wissam Salsaa, disse que Banksy usou a história de Natal para mostrar a vida dos palestinos na Cisjordânia.

"É uma grande maneira de fazer com que as pessoas pensem mais e abordar a história de Belém, a história do Natal, de forma diferente."

Crédito, AFP

Legenda da foto,

Na frente da manjedoura há três grandes presentes embrulhados, mas não se sabe o que o que está nos pacotes

Crédito, AFP

Legenda da foto,

O local fica ao lado do muro israelense e se descreve como o "hotel com a pior vista do mundo".

A cena do presépio traz as palavras "amor" e "paz" em inglês e francês grafitadas no muro. Também inclui três grandes presentes embrulhados.

"Banksy tenta ser uma voz para aqueles que não podem falar", afirmou Salsaa.

Todos os quartos do Hotel Walled Off têm vista para as paredes de concreto da polêmica barreira na Cisjordânia.

Crédito, AFP/Getty Images

Legenda da foto,

A vista dos quartos do hotel é o muro divisório de Israel

Os quartos estão cheios de obras de artistas anônimos, muitas discutindo o conflito entre israelenses e palestinos.

Banksy também é autor de várias obras na cidade - várias delas no próprio muro.

Crédito, Getty Images

Legenda da foto,

Trabalho de Banksy na parede que separa Israel mostra a silhueta de uma garota suspensa por com balões

.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!