'Quero decidir morrer enquanto posso': a luta pelo direito à morte assistida na Inglaterra

'Quero decidir morrer enquanto posso': a luta pelo direito à morte assistida na Inglaterra

David Peace tem a doença do neurônio motor, uma condição terminal que afeta seu cérebro e sistema nervoso de forma gradual.

Sabendo da sua morte iminente, ele quer viajar até uma clínica na Suíça para dar fim à sua vida por conta própria quando tudo ficar insuportável, enquanto ainda tem controle sobre suas competências mentais.

"Tenho duas opções. Uma é enfrentar uma paralisia gradual, impossível de parar, que me afeta por inteiro. A outra é viajar para a Suíça e saber que meu coração vai parar de bater enquanto estiver inconsciente", diz ele.

David é uma das pessoas que reivindicam uma atualização nas leis da Inglaterra e do País de Gales para permitir que pessoas com doenças terminais tenham direito a uma morte assistida. Esse projeto terá uma segunda chance na Câmara dos Lordes em agosto.

Mas pessoas contrárias à ideia dizem que deveria existir um foco maior em ajudar pessoas com doenças de longo prazo a viverem vidas mais confortáveis, em vez de ajudá-las a morrer.