O reencontro emocionado de mãe e filho separados por tsunami na Indonésia
A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

O reencontro emocionado de mãe e filho separados por tsunami na Indonésia

Centenas de crianças foram separadas dos pais quando um forte terremoto a ilha de Sulawesi, na Indonésia, provocando um tsunami e deixando cerca de 2 mil mortos. Nas últimas semanas, no entanto, foram protagonizados reencontros emocionantes.

É o caso do pequeno Jumadil, de cinco anos, que voltou para os braços da mãe uma semana depois de terem sido separados pela tragédia.

“Quando ele me viu, começou a chorar muito. Abracei ele com força. Ele não queria me soltar”, conta a mãe, Susi Rahmatia.

Ele estava na praia com a avó quando o terremoto começou.

“Pensei que meu filho tivesse sido levado pelas ondas”, relembra.

Os pais passaram dias procurando Jumadil entre os escombros e nos hospitais. E comunicaram às autoridades que ele estava desaparecido.

Mas foi uma postagem nas redes sociais que permitiu o reencontro com a família.

Ainda não se sabe exatamente quem salvou o menino, que brincava na areia da praia, quando o terremoto começou.

“Ele falou que foi um policial”, diz a mãe.

Mas Jumadil ainda vai precisar superar o trauma da tragédia.

“Quando as luzes se apagam, ele corre para os meus braços, tem flashbacks.”

Tópicos relacionados