Ministro do Meio Ambiente fala sobre indígenas, mineração e preservação da Amazônia
A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

Ministro do Meio Ambiente fala sobre indígenas, mineração e preservação da Amazônia; assista

Ante o crescente desmatamento no país, o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles (Novo-SP), diz que a Amazônia só será preservada se forem encontradas "soluções capitalistas" que deem dinamismo econômico para a floresta e gerem renda para os cerca de 20 milhões de brasileiros que habitam a região.

Em entrevista à BBC News Brasil, Salles criticou o modo como foram criadas unidades de conservação e terras indígenas na Amazônia em governos passados – estratégia que, segundo especialistas, teve grande impacto na redução dos índices de desmatamento na floresta. Para o ministro, a criação dessas áreas acirrou conflitos fundiários e vedou o acesso de brasileiros a uma grande porção do território nacional.

Formado em Direito pela Universidade Mackenzie, em São Paulo, Salles assumiu o Ministério do Meio Ambiente após chefiar a Secretaria do Meio Ambiente do Estado de São Paulo no governo Geraldo Alckmin (PSDB), de quem havia sido secretário particular. Antes, foi um dos fundadores do movimento Endireita Brasil e diretor jurídico da Sociedade Rural Brasileira.

Clique aqui para ler reportagem completa.

Tópicos relacionados