Ovo de Darwin é encontrado

Player

Você precisa da versão correta do Flash Player para ter acesso a este conteúdo

Baixar a versão correta

Executar formatos alternativos de arquivos multimídia

Toda semana, há dez anos, Liz Wetton cataloga ovos no museu de Zoologia da Universidade de Cambridge, na Grã-Bretanha.

Até que um dia ela fez uma descoberta surpreendente. À primeira vista, o ovo não parecia nada de especial, mas o nome quase invisível na casca era do biólogo britânico Charles Darwin.

Ela contou que Darwin só tinha 16 ovos em sua coleção e que todos eles haviam desaparecido. O ovo descoberto por ela é o único que foi encontrado.

Especialistas acreditam que seja o último que restou de sua célebre viagem no navio Beagle, quando coletou espécimes em diversas partes do mundo que embasaram sua teoria da seleção natural.


BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.