Centenas são resgatados após tufão em Taiwan

Player

Para executar este conteúdo em Java você precisa estar sintonizado e ter a última versão do Flash player instalada em seu computador.

Executar com Real Media Player OU Windows Media Player

Autoridades militares em Taiwan afirmaram que cerca de 700 pessoas que moravam em localidades soterradas após a passagem do tufão Morakot foram encontradas vivas.

Segundo um porta-voz do Exército, muitos residentes dos quatro vilarejos atingidos pelo tufão conseguiram encontrar um local seguro em regiões mais elevadas antes dos deslizamentos soterrarem as casas.

A Agência Central de Notícias de Taiwan afirma que entre os sobreviventes, 200 seriam do vilarejo de Shiao Lin, nas montanhas ao sul da ilha, onde os deslizamentos causados pela passagem do Morakot, além de cobrir casas, ainda bloquearam o acesso por terra ao local.

Diversas equipes de resgate trabalham na região desde o final de semana para tentar encontrar as centenas de pessoas que estavam desaparecidas. As autoridades tinham receio de que os moradores pudessem ter sido soterrados pelos deslizamentos causados pelo tufão.

O tufão passou por Taiwan no último final de semana, causando quantidades recordes de chuvas e danificando estradas e pontes. Pelo menos 60 pessoas morreram, de acordo com as autoridades.

O tufão Morakot causou as piores enchentes dos últimos 50 anos em Taiwan.

Rios inundaram, levando consigo edifícios, pontes e estradas e cortando o fornecimento de energia elétrica.

As inundações atingiram cidades e a zona rural de Taiwan, causando perdas estimadas de US$ 152 milhões.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.