Pais perdem guarda de velejadora de 13 anos que quer dar volta ao mundo

Laura Dekker
Image caption Laura Dekker planejou a volta ao mundo com os pais nos últimos anos

Um tribunal da Holanda tirou a guarda da velejadora Laura Dekker, de 13 anos, dos seus pais na segunda-feira, a fim de evitar que ela iniciasse uma viagem de volta ao mundo sozinha em um veleiro.

Os pais de Dekker apoiaram toda a preparação da viagem solo de dois anos. No entanto, a Justiça determinou que a menina fique sob a guarda do Estado por dois meses.

"Os pais vão ter que negociar todas as decisões importantes que digam respeito a Laura com os serviços de proteção à criança. Isso significa que Laura não pode começar a viagem de volta ao mundo sem acordo (com os serviços de proteção à criança)", afirma uma nota oficial.

Neste período, um psicólogo independente deve avaliar até meados de outubro a capacidade de a adolescente se lançar sozinha em uma aventura de tais proporções em uma idade tão tenra.

O pai de Laura, Dick Dekker, entrou com um pedido para que a filha perdesse dois anos de escola, que foi recusado.

Se a menina conseguir a autorização e completar a viagem de dois anos, vai se transformar na pessoa mais jovem a completar a proeza.

Recorde britânico

O recorde atual é de um britânico, Mike Perham, que aos 17 anos, enfrentou ondas de mais de 15 metros na sua viagem de circumnavegação de nove meses.

Os planos da família Dekker eram de começar a viagem em setembro no veleiro de pouco mais de oito metros de comprimento, batizado de Guppy, com o patrocínio de empresas.

Laura e Dick Dekker participaram da reunião na segunda-feira que decidiu tirar a guarda dos pais.

Segundo a imprensa holandesa, Laura Dekker nasceu em um veleiro no litoral da Nova Zelândia, durante uma viagem de volta ao mundo dos pais, que durou sete anos.

Ainda segundo relatos na Holanda, hoje, a menina vive com o pai em um veleiro na região central do país.

Ela tem um veleiro próprio desde os seis anos de idade e começou a velejar sozinha aos dez.

"Desde os dez anos de idade, eu sabia que queria dar a volta ao mundo", disse a adolescente à televisão holandesa. "Simplesmente quero conhecer o mundo e viver livremente."

Notícias relacionadas