Ciência

Cientistas criam 'show de luz' com bactérias modificadas

Player

Para executar este conteúdo em Java você precisa estar sintonizado e ter a última versão do Flash player instalada em seu computador.

Executar com Real Media Player OU Windows Media Player

Cientistas americanos conseguiram uma exibição de luzes com células de bactérias geneticamente modificadas, modificadas para emitir brilho em sincronia.

A equipe de cientistas da Universidade da Califórnia de San Diego, transformou as células em "relógios genéticos" sincronizados, programando estas células para ligar e desligar uma proteína.

Estas ondas de atividade poderão, no futuro, ser usadas para criar sensores biológicos, ou para programar as células para liberarem doses periódicas de remédios.

As ondas sincronizadas, ou oscilações, são importantes para os cientistas, pois elas controlam funções importantes no corpo humano, como o ciclo de sono, processos de aprendizado e a liberação regular de substâncias no corpo, incluindo insulina.

O estudo foi publicado na revista especializada Nature.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.