Entretenimento

Cuba produz primeiro filme de zumbis

Player

Para executar este conteúdo em Java você precisa estar sintonizado e ter a última versão do Flash player instalada em seu computador.

Executar com Real Media Player OU Windows Media Player

Um jovem cineasta cubano deve lançar ainda em 2011 o primeiro filme de zumbis feito em Cuba.

O longa está sendo filmado inteiramente no país e se chama Juan of the Dead. Apesar de explorar um tema da moda, o filme tem um roteiro mais parecido com o longa dos anos 80, Os Caça-Fantasmas.

Na trama, uma cidade inteira de Cuba é tomada por mortos-vivos. As autoridades insistem que é um plano de dissidentes para derrubar o governo cubano, com o apoio dos Estados Unidos.

Neste cenário surge Juan que promete, por preços camaradas, exterminar os zumbis.

O roterista e diretor do longa é Alejandro Brugues, de 34 anos. Este é apenas o segundo filme de Brugues depois que se formou no na Escola Internacional de Cinema e Televisão de Cuba.

O cineasta afirma que, apesar de o filme ser sobre zumbis, o enredo mostra também como os cubanos reagem a uma crise, algo que Brugues diz não ter faltado nos últimos 50 anos em Cuba.

Brugues também conta que quis fazer uma comédia social, mas que contivesse também elementos de ação e horror.

Gravação do filme 'Juan of the Dead' em Cuba

Diretor afirma que filme é também uma comédia social

Juan é interpretado pelo ator cubano Alexis Diaz Villegas.

Sucesso internacional

Atores, atrizes e diretores não faltam em Cuba. Fidel Castro fundou o Instituto de Cinema Cubano logo depois da revolução de 1959.

O país já produziu muitos sucessos e filmes vencedores em festivais internacionais de cinema. Mas, o último a conseguir sucesso internacional foi Morango e Chocolate, indicado ao Oscar de melhor filme estrangeiro em 1994.

Juan of the Dead pretende retomar este sucesso. O filme é o mais novo exemplar do cinema independente cubano.

Ao invés de subsídio do Estado, a produção do longa foi financiada por recursos estrangeiros. O filme é uma coprodução cubano-espanhola, e a atriz principal é da Espanha.

Além da direção, Alejandro Brugues, assina também o roteiro. Apesar de não ter entrado com dinheiro, o governo teve que aprovar o roteiro.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.