Oriente médio

Menino vira guarda de trânsito em cidade rebelde na Líbia

Player

Para executar este conteúdo em Java você precisa estar sintonizado e ter a última versão do Flash player instalada em seu computador.

Executar com Real Media Player OU Windows Media Player

Na Líbia, com muitos dos adultos do reduto rebelde de Benghazi ocupados em combater as tropas leais ao líder Muamar Khadafi, Ayman Samir, de 11 anos, descobriu uma forma de contribuir com a causa: ele assumiu o trabalho de guarda de trânsito.

Com sua jaqueta fosforescente, o guarda-mirim pode ser visto diariamente num dos principais cruzamentos da cidade, a segunda mais populosa da Líbia.

Ayman Samir

Ayman Samir afirma que quer ajudar a 'derrubar o governo de Khadafi'

O próprio menino afirma que, na impossibilidade de lutar contra Khadafi por causa de sua idade, ele quis ajudar a derrubar o governo de alguma forma.

Nos últimos dias, as forças de Khadafi têm lançado ataques no leste do país, região em que os rebeldes controlam várias cidades, entre elas Benghazi.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.