Argentina

Brasileiros lideram ranking dos que mais gastam na Argentina

Player

Para executar este conteúdo em Java você precisa estar sintonizado e ter a última versão do Flash player instalada em seu computador.

Tocar com outro programa

Os brasileiros lideram o ranking dos turistas estrangeiros que desembarcam em Buenos Aires e são os que mais gastam, por dia, na capital argentina, segundo levantamento do Observatório Turístico do governo da cidade.

De acordo com os dados, Buenos Aires recebeu 2,6 milhões de turistas estrangeiros em 2010, dos quais 35% (cerca de 800 mil) eram do Brasil.

"O Brasil aumentou a sua presença em 11 pontos percentuais em relação a 2009”, afirma o estudo.

No mesmo levantamento, destaca-se que os turistas brasileiros também encabeçam a lista dos principais consumidores na terra vizinha.

"Em dezembro, os turistas estrangeiros gastaram, em média, US$ 95,5. Mas os turistas brasileiros foram os que mais gastaram, com uma média de US$ 164,5 diários."

Naquele mês, a presença de turistas brasileiros registrou "aumento notável" de 41% frente ao mesmo mês de 2009.

Os dados surgem quando o país registra forte aumento no desembarque de visitantes de países de diferentes continentes.

‘Dame dos’

As compras e os restaurantes estão entre as preferências dos visitantes do Brasil na capital argentina, ainda de acordo com o estudo.

Os resultados são visíveis nas ruas, shoppings, calçadões de compras, cabelereiros, bares e restaurantes da cidade.

Os turistas brasileiros não se limitam mais aos pontos tradicionais de compras, como o calçadão da Calle Florida, no centro da cidade, ou a Avenida Alvear, no bairro nobre da Recoleta.

Eles estão presentes também na região dos outlets, no bairro de Villa Crespo, ao lado do conhecido bairro de Palermo - a cerca de 20 minutos de táxi do centro da cidade.

De diferentes cidades brasileiras, os turistas afirmam que a desvalorização do peso frente ao real compensa na hora do consumo.

Eles vivem a era do "dame dos", que no passado era praticada pelos turistas e consumidores argentinos no Brasil. Tempos em que a moeda brasileira estava mais barata que a argentina.

"Compramos roupa de cama, chocolates, bebidas", disseram Marina e Vinicius de Souza, que são de Goiânia e passeavam pela Calle Florida.

Buenos Aires

Brasileiros gastam quase US$ 65 por dia a mais que a média dos turistas

A empresária Lia Machado, em Buenos Aires com o marido Wilson, contou que eles costumam viajar com freqüência para a capital argentina.

"Compensa, mesmo com o preço da passagem. No Brasil é quase impossível comprar roupas de marca, aqui não", disse ela num intervalo das compras na região dos outlets.

O diretor da agência de turismo CVC em Buenos Aires, Gustavo Batica, disse que em 2004 a empresa transportou 23,7 mil passageiros brasileiros.

Em 2010 este número saltou para 111 mil.

“E nós aqui na Argentina estamos trabalhando para atender especificamente este turista brasileiro”, disse.

Cidade do tango, Buenos Aires é apontada por diferentes pesquisas internacionais como “a mais segura” da América do Sul. Mas o Consulado do Brasil tem recomendado os brasileiros a tomar cuidados para evitar os furtos.

Em seu site, o consulado recomenda “toda atenção” ao caminhar pela Calle Florida, que se “deixe cópia dos documentos no hotel” e que “não se guarde dinheiro num mesmo lugar”.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.