Fale com a gente
BBC Brasil

Primeira página

Ivan Lessa

Especial

Fórum

Aprenda inglês

Parceiros

Sobre a BBC

Other Languages

 Você está em: Notícias

31 de dezembro , 2000 - Publicado às 18h05 GMT

Os fatos bizarros que marcaram o ano 2000


O jornalista Andrew Dinwoodie, da BBC, revê alguns dos eventos mais estranhos que marcaram o ano 2000

O mundo pode até estar menos tomado pelo fervor religioso ou supersticioso que envolveu a virada do milênio, mas o ano começou com um grande alívio com a constatação de que pelo menos um desastre não ocorreu.

Governos e empresas gastaram bilhões de dólares para evitar o bug do milênio, um defeito que poderia levar computadores mais antigos a pensar que o ano depois de 1999 seria 1900.

Mas, na chegada do ano 2000, nenhum avião caiu, nenhuma usina nuclear explodiu e as contas das pessoas não desapareceram nos bancos.

Muitos que gastaram um fortuna para evitar o bug do milênio acreditam que conseguiram evitar problemas sérios, mas em países como a Itália, onde pouco se fez para evitar o bug, nenhum desastre ocorreu.

PCs que irritam

Mesmo sem o bug do milênio, os computadores parecem continuar sendo motivo de frustração da mesma forma que antes da virada de século.

Uma pesquisa realizada na Grã-Bretanha mostrou que mais da metade das pessoas consultadas reagem a problemas com seus PCs gritando com colegas ou gritando, jogando coisas e mesmo batendo nos computadores.

Em alguns casos, a frustração com o mundo da informática foi longe demais.

Segundo o coordenador da pesquisa, Aled Miles, "um dos entrevistados disse ter ficado tão irritado com o PC que ele pegou uma faca e atacou o teclado".

Planeta mais leve

Apesar de a maioria ter passado a virada de ano sem muitas mudanças, o mesmo não pode ser dito em relação ao planeta Terra, que teve suas dimensões alteradas.

Durante o ano, o planeta perdeu bilhões de toneladas de peso depois que cientistas americanos recalcularam a força da gravidade, o que levou a uma nova avaliação da massa da Terra.

Segundo o professor Jens Gundlach, da Universidade de Washington, as medidas mostraram que a constante gravitacional é um pouco maior do que se imaginava.

"Conseqüentemente, a Terra é um pouco mais leve do que pensávamos", concluiu o professor.

Pessoas mais pesadas

Mas parece que os seres humanos estão tentando contrabalançar o peso mais reduzido da Terra.

Pela primeira vez na história, o número de pessoas obesas no mundo se igualou ao número de pessoas desnutridas.

O quadro dramático, que mostra o desequilíbrio na distribuição de recursos no mundo, foi demonstrado pelo World Watch Institute, dos Estados Unidos.

Segundo o instituto, existem 1,2 bilhões de pessoas obesas – com um número equivalente de pessoas comendo menos que o mínimo necessário para sobreviver.

Perdedor consagrado

A grande maioria das pessoas considerou os Jogos Olímpicos de Sydney como os melhores da história.

Entre os novos heróis do esporte internacional, surgiu um inusitado: o nadador Eric Moussambani, da Guiné Equatorial.

Eric ficou famoso depois de sofrer para completar a prova de qualificação dos 100 metros livres, marcando o pior tempo de toda a história dos Jogos Olímpicos.

Mas a fama internacional não ajudou em casa – ele foi considerado uma vergonha para o país e proibido de treinar na única piscina oficial da Guiné Equatorial.

Perdedor preso

Outro país perdedor foi a Costa do Marfim, cuja seleção de futebol se deu mal na Copa das Nações Africanas.

A eliminação na primeira rodada do campeonato irritou o então líder militar do país, general Robert Guei.

O general deu uma oportunidade para que os jogadores refletissem sobre o seu péssimo desempenho – na cadeia.

Segundo o general, o objetivo da prisão foi dar uma lição aos jogadores que, segundo ele, não atuaram com o empenho necessário.

Bota voadora

Provavelmente os jogadores da Costa do Marfim teriam gostado de uma invenção que poderia ter melhorado o desempenho do time no campeonato.

Na Rússia, cientistas anunciaram o desenvolvimento de um par de botas a motor.

O equipamento permite que a pessoa usando as botas atinja uma velocidade superior a 30 quilômetros por hora.

Segundo os cientistas, as botas poderão ser úteis em operações de resgate em locais de difícil acesso, ou para carteiros.

Porcos suadores

Outro problema – o de porcos que suam – foi resolvido no ano 2000 na Dinamarca.

O governo passou uma lei obrigando os fazendeiros a instalar chuveiros para os porcos.

Segundo o político Eleing Christiansen, do Partido Social Democrata, "porcos não suam com facilidade e sofrem durante o verão, daí a necessidade de um banho para refrescar".

Ainda segundo Christiansen, "a Dinamarca põe o bem-estar dos animais em primeiro lugar, juntamente com a qualidade do alimento, porque queremos fornecer bacon de qualidade para os consumidores".

Peixe cabeçudo

O ano teve muitas notícias sobre fazendas em que animais são criados de modo artificial e intensivo para a produção de alimentos baratos.

Mas o que pode ser mais saudável e fresco do que um peixe pescado nas profundezas do mar?

Não foi o caso para funcionários de uma empresa de processamento de peixe na Austrália.

Ao abrirem um bacalhau enorme, acharam a cabeça de um homem dentro dele.

A polícia acha que a cabeça é de um pescador que tinha sumido poucos dias antes. O bacalhau teria engolido a cabeça depois que ela se separou do resto do corpo.

Ataque do mar

Animais do mar também viraram notícia na Nova Zelândia, desta vez na forma de um elefante marinho do tamanho de 20 homens gordos.

Apesar de geralmente viver na região antártica, o elefante marinho, apelidado de Homer, em homenagem ao personagem do desenho animado Os Simpsons, resolveu viver na cidade de Gisborne.

Acostumado a usar de violência em seu habitat, Homer transferiu seus ataques para os carros da cidade.

Segundo um ambientalista da cidade, Andy Bassett, "Homer se sente atraído por carros, mas causa danos consideráveis quando joga suas duas toneladas de peso contra os automóveis".

 Pesquisa na BBC Brasil

   E-MANCHETE
Assine o serviço da BBC Brasil para receber as principais notícias por e-mail.
   ORIENTE MÉDIO
Leia as últimas notícias e análises sobre o processo de paz entre Israel e os palestinos.








    Para cima    

BBC Brasil
Fale com a gente
Brasil@bbc.co.uk

   

Primeira página | Ivan Lessa | Especial
Fórum | Aprenda inglês | Parceiros
Sobre a BBC

   
© BBC World Service
Bush House, Strand, London WC2B 4PH, UK.
Serviço Mundial da BBC:
Notícias e áudio em 43 línguas: