BBC World Service LogoHOMEPAGE | NEWS | SPORT | WORLD SERVICE
Portuguese Pesquisa na BBC Brasil
 
Primeira Página
Saúde &
Tecnologia
Economia
Cultura
Especial
Fórum
Aprenda inglês
ÁUDIO
Dois minutos pelo mundo
Notícias
Mundo Hoje
De Olho
no Mundo
Programação
Como Sintonizar
SERVIÇOS
Parceiros
Sobre a BBC
Expediente
Página simplificada
Fale com a gente
Empregos
E-manchetes
LÍNGUAS
Espanhol
Português para a África
Árabe
Chinêês
Persa
Hindi
Urdu
BBC News
BBC Sport
BBC Weather
 Você está em: Notícias
01 de abril, 2001 - Publicado às 17h20 GMT
Caça chinês cai após colisão com avião espião americano
Um avião americano modelo EP-3
Um avião americano modelo EP-3

Um caça chinês caiu neste domingo depois de colidir com um avião militar americano no Oceano Pacífico, no sudeste da China.

Segundo a agência de notícias chinesa Xinhua, foi o avião americano o culpado pelo acidente, que teria ocorrido quando dois caças chineses seguiam de perto o avião.

Grupos de resgate estariam agora tentando encontrar o piloto do caça chinês. O outro caça que estava seguindo o avião americano não teria sido danificado.

Segundo a marinha dos Estados Unidos, o avião americano sofreu avarias e foi obrigado a fazer um pouco de emergência na ilha Hainan, no sudeste chinês.

Confusão

A marinha informou que o avião americano, modelo EP-3, realizava um vôo de observação de rotina e sobrevoava águas internacionais no momento da colisão.

Um porta-voz do comando da frota do Pacífico, coronel John Bratton, disse que aparentemente foi tudo um acidente e que os caças chineses não teriam tentado fazer o aparelho americano pousar.

A TV estatal chinesa disse que, segundo o ministério do Exterior, os caças estavam voando a cerca de 10 km da ilha de Hainan quando o avião americano repentinamente mudou de direção e colidiu com um deles.

Nenhum dos 24 tripulantes do avião americano teriam ficado feridos. O EP-3 levava um membro da aeronáutica, um fuzileiro naval e 22 integrantes da marinha.

Sem contato

Não houve novos contatos das autoridades americanas com o avião depois do pouso de emergência em Hainan.

Os EUA estão pedindo à China que devolvam imediatamente o avião e seus tripulantes.

Este incidente acontece num momento em que as relações entre os dois países estão estremecidas, devido aos planos americanos de criar um novo sistema de defesa antimísseis.

A China já se pronunciou contra o sistema de defesa, dizendo que ele pode desencadear uma nova corrida armamentista.

As autoridades chinesas também determinaram a prisão de dois professores de origem chinesa que moram nos Estados Unidos, provocando críticas em Washington.
 
   E-MANCHETE
Assine o serviço da BBC Brasil para receber as principais notícias por e-mail.
   ORIENTE MÉDIO
Leia as últimas notícias e análises sobre o processo de paz entre Israel e os palestinos.







BBC World Service Logo ^^Volta ao início da página
Primeira Página | Saúde & Tecnologia | Economia | Cultura | Especial
Fórum | Aprenda inglês
---------------------------------------------------------------------------------------------------
Programação | Como Sintonizar
Parceiros | Sobre a BBC