BBC World Service LogoHOMEPAGE | NEWS | SPORT | WORLD SERVICE
Portuguese Pesquisa na BBC Brasil
 
Primeira Página
Saúde &
Tecnologia
Economia
Cultura
Especial
Fórum
Aprenda inglês
ÁUDIO
Dois minutos pelo mundo
Notícias
Mundo Hoje
De Olho
no Mundo
Programação
Como Sintonizar
SERVIÇOS
Parceiros
Sobre a BBC
Expediente
Página simplificada
Fale com a gente
Empregos
E-manchetes
LÍNGUAS
Espanhol
Português para a África
Árabe
Chinêês
Persa
Hindi
Urdu
BBC News
BBC Sport
BBC Weather
 Você está em: Notícias
05 de maio, 2002 - Publicado às 19h10 GMT
Chirac consegue vitória esmagadora sobre Le Pen
Chirac obteve apoio até de seus rivais socialistas
Chirac obteve apoio até de seus rivais socialistas

O presidente da França, Jacques Chirac, conseguiu a reeleição com uma esmagadora maioria no segundo turno das eleições francesas, neste domingo.

Com 97% dos votos computados, Chirac tinha 82,06% do total, contra 17,94% de seu adversário, o líder de extrema-direita Jean-Marie Le Pen.

Estima-se também que 80% dos eleitores tenham votado neste domingo, contra 72% no primeiro turno, há duas semanas.

Após a divulgação das pesquisas de boca-de-urna, que já mostravam sua vitória, Chirac disse que "a França reafirmou seu compromisso com os valores republicanos". Já Le Pen considerou o resultado uma derrota para as esperanças dos franceses.

Surpresa

Le Pen surpreendeu os analistas ao tirar o primeiro-ministro socialista Lionel Jospin do segundo turno.

Um das causas dessa proeza, segundo analistas, foi o alto índice de abstenção – 28% dos eleitores preferiram não votar no primeiro turno.

Mas as duas semanas que antecederam a votação decisiva viram uma série de manifestações contra Le Pen, que defende políticas como a deportação de imigrantes ilegais e a volta da pena de morte.

Mesmo os socialistas e outros partidos de esquerda recomendaram que seus eleitores votassem em Chirac para evitar a vitória do candidato de extrema direita.

Le Pen disse neste domingo que a vitória de Chirac representa um triunfo de "forças socialistas e comunistas" obtida por meio de "métodos soviéticos".

Parlamento

Por sua vez, Chirac disse que a França passou por momentos de "grande preocupação", mas reafirmou sua ligação com os valores republicanos no segundo turno.

Ele afirmou que vai "colocar a República ao serviço de todos" e que a redução das taxas de criminalidade será a "primeira prioridade" do Estado.

Agora Chirac fica na expectativa da eleição parlamentar que definirá o novo governo francês, nos dias 9 e 16 de junho.

A esquerda espera que o susto levado na eleição presidencial faça seus eleitores se motivarem mais na próxima votação.

Os líderes socialistas procuraram mostrar otimismo com suas possibilidades no pleito legislativo.

"Agora está tudo aberto", disse o ministro da Economia, Laurent Fabius, um dos principais líderes do Partido Socialista à agência de notícias France Presse. "Estou convicto de que a esquerda retém todas as chances."

Atualmente o governo francês funciona em regime de coabitação, com Chirac, de centro-direita, ocupando a Presidência e o socialista Lionel Jospin, de centro-esquerda, como primeiro-ministro.
 
   E-MANCHETE
Assine o serviço da BBC Brasil para receber as principais notícias por e-mail.
   ORIENTE MÉDIO
Leia as últimas notícias e análises sobre o processo de paz entre Israel e os palestinos.







Notícias relacionadas:
03 de maio, 2002
  Campanha eleitoral na França chega ao último dia
03 de maio, 2002
  Jogadores da França 'temem vitória de Le Pen', diz Pires
02 de maio, 2002
  Chirac e Le Pen realizam últimos comícios na França
02 de maio, 2002
  1º de maio francês tem atos a favor e contra Le Pen
24 de abril, 2002
  Alain Touraine atribui sucesso de Le Pen a 'medo'
Links externos:
Campanha de Jacques Chirac (em francês)
Frente Nacional (em francês)
A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo dos links externos indicados.
BBC World Service Logo ^^Volta ao início da página
Primeira Página | Saúde & Tecnologia | Economia | Cultura | Especial
Fórum | Aprenda inglês
---------------------------------------------------------------------------------------------------
Programação | Como Sintonizar
Parceiros | Sobre a BBC