BBC World Service LogoHOMEPAGE | NEWS | SPORT | WORLD SERVICE
Portuguese Pesquisa na BBC Brasil
 
Primeira Página
Saúde &
Tecnologia
Economia
Cultura
Especial
Fórum
Aprenda inglês
ÁUDIO
Dois minutos pelo mundo
Notícias
Mundo Hoje
De Olho
no Mundo
Programação
Como Sintonizar
SERVIÇOS
Parceiros
Sobre a BBC
Expediente
Página simplificada
Fale com a gente
Empregos
E-manchetes
LÍNGUAS
Espanhol
Português para a África
Árabe
Chinêês
Persa
Hindi
Urdu
BBC News
BBC Sport
BBC Weather
 Você está em: Notícias
02 de setembro, 2002 - Publicado às 11h24 GMT
Cidade de Rosane Collor faz campanha com churrasco
Churrasco é ponto alto da campanha em Canapi
Churrasco é ponto alto da campanha em Canapi

 Clique aqui para ouvir a reportagem de Paulo Cabral

Paulo Cabral, enviado especial a Canapi

Numa sexta-feira de sol escaldante no sertão, um caminhão de som de uma candidata a deputada estadual convida todos os eleitores da cidade a irem para um povoado próximo participar de um churrasco-comício com 46 arrobas – 690 quilos – de carne e bebida à vontade.

Dez anos depois do impeachment do ex-presidente Fernando Collor de Mello, grandes festas onde a população pobre come e bebe e pode fazer seus pedidos ao político são uma prática comum em Canapi, cidade da ex-primeira dama, Rosane Collor de Mello.

Em uma região de grandes e históricas carências que o Estado e a política nunca conseguiram resolver, não é tão difícil encontrar eleitores que estejam dispostos a trocar o voto por uma ajuda que os auxilie de imediato, como material de construção para uma casa ou insumos para agricultura.

"Vou escolher o candidato quando alguém me der alguma coisa. Estou doente demais", disse Zenaide Bezerra, de 65 anos, enquanto esperava que algum cliente viesse à sua banquinha com algumas cenouras e cebolas na praça de Canapi.

"Fé em Deus"

"Se a eleição vai melhorar alguma coisa? Com fé em Deus quem sabe melhora", me diz rindo.

Enquanto isso, no povoado de Santa Cruz – a cerca de 15 quilômetros de Canapi por precárias estradas de terra – os assessores da deputada estadual e candidata à reeleição Ziane Costa – aliada de Fernando Collor – preparam o início do churrasco-comício.

Um caminhão de som da candidata toca sem parar no volume máximo a música de campanha – um forró, como a maioria dos jingles na região.

O momento de maior euforia é quando um cabo eleitoral sai da casa de Dona Toninha – uma antiga moradora do povoado que cedeu seu quintal para o trabalho dos churrasqueiros – com as bacias cheias de carne.

Os moradores correm para disputar os pedaços de churrasco que o cabo eleitoral protege colocando a bacia acima da cabeça. E um assessor rabisca num pedaço de papel vales de bebida – rum, pinga, cerveja e refrigerantes – que estavam disponíveis no bar.

Conversa e cesta básica

A candidata chegou ao comício no fim da tarde e passou cerca de duas horas conversando com os eleitores na praça e visitando as casas da vila.

A praça estava cheia, embora adversários políticos tenham conseguido segurar alguns eleitores em casa distribuindo cestas básicas.

É neste momento que os eleitores aproveitam para fazer os seus pedidos. "A gente não pode negar que existe este tipo de pedido pessoal", me diz a deputada.

Mas Ziane garante que o principal foco de sua campanha não é esse. "O mais importante é fazer coisas pela comunidade, porque aí você beneficia mais gente."

A deputada ainda tem pouca penetração na cidade de Canapi – sua base é o município Delmiro Gouveia, onde seu pai é prefeito – mas conta com um cabo eleitoral importante: o ex-prefeito José Mariano Sobrinho.

O ex-prefeito é muito popular na cidade, e outra maneira comum de escolher candidato na região é seguir o líder político local.

"Eu acompanho o ex-prefeito Zé Mariano. No partido que ele votar, eu voto", me disse o agricultor Antônio Santos, explicando o voto na deputada e também em Fernando Collor de Mello, para governador de Alagoas.

Mas, como muitos eleitores canapienses, o agricultor prefere fugir de comentários sobre as acusações de corrupção que levaram ao impeachment do ex-presidente.

Outro agricultor, Luis de Oliveira, também declarou seu voto em Fernando Collor de Mello, mas não conseguiu explicar direito por quê. "Não tem jeito não, a gente vota nele mesmo. O bicho é bom de urna."

E sobre as acusações: "Não sei, eu não vi nada. Mas teve muita acusação, né."

Outro líder político da região é Celso Luis Malta. A mãe dele, Rita Tenório Brandão, é prefeita de Canapi e moradora de outro município próximo, Inhapi, onde o prefeito é seu outro filho, Bel Brandão.

Celso Luis Malta é também primo de Rosane Collor - sobrinho do pai da ex-primeira dama, João Alvino Malta.

Só que nestas eleições Celso Luis Malta e o tio João Alvino estão em campos diferentes. Celso Luis apóia Ronaldo Lessa – o principal adversário de Collor na disputa pelo governo do Estado.

Mas na região mesmo ele é muito cauteloso na hora de comentar o caso Collor.

"Isso eu não posso discutir. Todo mundo sabe o que houve com o ex-presidente e quem deve julgar isso não são os políticos", me disse no sábado enquanto acompanhava o irmão e prefeito de Inhapi na inauguração de duas praças, um matadouro e a reforma de uma maternidade.

 Clique aqui para ouvir a reportagem de Paulo Cabral

Pergunte ao Paulo: clique aqui para enviar mensagens ao repórter da BBC Brasil
 
   E-MANCHETE
Assine o serviço da BBC Brasil para receber as principais notícias por e-mail.
   ORIENTE MÉDIO
Leia as últimas notícias e análises sobre o processo de paz entre Israel e os palestinos.







Notícias relacionadas:
30 de agosto, 2002
  Índios apostam na tradição para mudar o futuro
29 de agosto, 2002
  Baianas misturam acarajé com política nas eleições
28 de agosto, 2002
  Hippies de Arembepe vivem longe das eleições
27 de agosto, 2002
  Paulo Cabral confere concurso de beleza em Canudos
26 de agosto, 2002
  Seguidor de Antônio Conselheiro não põe fé na eleição
BBC World Service Logo ^^Volta ao início da página
Primeira Página | Saúde & Tecnologia | Economia | Cultura | Especial
Fórum | Aprenda inglês
---------------------------------------------------------------------------------------------------
Programação | Como Sintonizar
Parceiros | Sobre a BBC