Polícia busca menino que teria voado em balão desgovernado nos EUA

Balão no Colorado
Image caption Balão voou desgovernado por mais de duas horas sobre o Colorado

As autoridades do Estado americano do Colorado se mobilizaram nesta quinta-feira nas buscas a um menino de seis anos de idade que teria embarcado em um balão de fabricação caseira.

Imagens exibidas ao vivo por emissoras de televisão americanas registraram o momento em que o balão de gás hélio desgovernado pousou lentamente em uma área descampada no interior do Colorado, cerca de 60 quilômetros ao norte da cidade de Denver.

De acordo com relatos da imprensa local, após o pouso, as equipes de emergência não encontraram ninguém dentro do balão, que voou por mais de duas horas, chegando a atingir alta velocidade e mais de 2 mil metros de altura.

Segundo a porta-voz da polícia do condado de Larimer, Cathy Davis, o balão prateado em forma de cogumelo havia sido fabricado pelo pai do menino e ficava preso por uma corda no quintal da casa da família.

Davis afirmou ainda que os dois filhos do dono do balão estavam brincando fora de casa quando o irmão mais velho viu o mais novo entrar no balão e voar para longe.

Assim que a notícia do episódio foi divulgada, helicópteros e veículos de imprensa e de resgate passaram a seguir o balão e imagens do voo desgovernado passaram a ser transmitidas ao vivo.

A imprensa americana informou que o menino foi identificado pela polícia local como Falcon Heene. O pai dele, Richard Heene, teria fabricado o balão com o objetivo de monitorar as condições meteorológicas.