Ásia

Manifestantes invadem sede de TV na Tailândia

Player

Para executar este conteúdo em Java você precisa estar sintonizado e ter a última versão do Flash player instalada em seu computador.

Executar com Real Media Player OU Windows Media Player

O governo da Tailândia concordou nesta sexta-feira em permitir a volta ao ar de uma estação de TV por satélite que havia sido fechada na véspera sob a acusação de disseminar informações distorcidas.

Os manifestantes conhecidos como "camisas vermelhas" invadiram a sede da TV pela manhã, ignorando o estado de emergência de três dias decretado pelo governo.

Eles se retiraram do local pacificamente após um acordo com o governo.

Os camisas vermelhas, simpatizantes do ex-primeiro-ministro Thaksin Shinawatra, derrubado em um golpe militar em 2006, são em sua maioria moradores pobres das áreas rurais.

Os protestos são parte de uma batalha que já dura meses entre os simpatizantes do ex-premiê, em sua maioria moradores pobres das áreas rurais, e a elite urbana que eles dizem ser responsável pelo golpe de 2006.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.