Chávez contrata 200 ajudantes para responder mensagens do Twitter

Image caption A conta de Chávez já é a mais acessada da Venezuela

O presidente venezuelano, Hugo Chávez, disse que contratou 200 pessoas para ler as mensagens que recebe em sua conta de Twitter, aberta há pouco mais de uma semana.

A conta de Chávez já é a mais seguida do país com 255.374 mil seguidores no domingo, ultrapassando a da TV Globovision.

Com o nome de “chavezcandanga”, a conta do presidente venezuelano tem atraído cerca de 20 mil novos seguidores diariamente.

A equipe de ajudantes de Chávez o ajudará a responder às mais de 50 mil mensagens que já recebeu.

Incentivo

O líder venezuelano disse que cerca de 18% das mensagens que recebe são hostis e que estas lhe fazem dar risada ou responder com piadas.

Chávez anunciou em abril sua intenção de abrir a conta no Twitter, para levar sua "luta à internet", apesar de já ter considerado bloquear o site no passado.

A iniciativa de Chávez levou o porta-voz do departamento de Estado americano, PJ Crowley a aderir também ao site.

"Com chavezcandanga entrando em campo, como poderia eu resistir?" publicou Crowley em sua página no dia 3 de maio.