Incêndio mata pelo menos 87 pessoas em Bangladesh

Incêndio em prédios do bairro Nimtoli, em Daca
Image caption Ruas estreitas dificultaram trabalho dos bombeiros

Pelo menos 87 pessoas morreram em um incêndio que atingiu vários prédios em uma das áreas mais populosas da capital de Bangladesh, Daca.

O fogo começou quando um transformador elétrico explodiu e se incendiou, espalhando as chamas para vários outros prédios.

Os bombeiros tiveram dificuldades para entrar no local, uma área muito populosa e de ruas estreitas no bairro antigo de Nimtoli. Estima-se que mais de cem pessoas tenham ficado feridas, muitas delas mulheres e crianças.

De acordo com o repórter da BBC Sebastian Usher o fogo se alastrou por vários prédios de muitos andares, prendendo centenas de moradores.

Os bombeiros afirmam que as chamas agora estão sob controle, depois de horas do início do incêndio. No momento eles concentram os trabalhos na recuperação dos corpos das vítimas.

De acordo com os bombeiros vazamentos em canos de gás estão prejudicando os esforços.

O fogo se espalhou rapidamente pelos prédios devido a produtos químicos e mercadorias baratas e inflamáveis, guardados em lojas no andar térreo de vários prédios.

Entre os mortos estavam convidados de um casamento que estava ocorrendo no último andar de um dos prédios incendiados. A noiva teria escapado pois estava ainda em um salão de beleza.

Canais de televisão particulares do país já falam em cem mortos e 150 feridos, de acordo com o site de notícias bdnews24.com.

Imrul Hasan, médico da unidade de queimados do Hospital do Colégio de Medicina de Daca, disse à BBC que já tinha contato 45 corpos colocados em uma rua perto do local do incêndio, a apenas 200 metros do hospital.

A maioria dos mortos tinha poucas queimaduras e a causa da morte parece ter sido inalação de fumaça.

Notícias relacionadas