Irlanda discute pacote financeiro com a União Europeia

Image caption A recessão irlandesa é uma das mais severas da União Europeia

A Irlanda discute com a União Europeia a possibilidade de um pacote de resgate financeiro, segundo fontes ouvidas pela BBC.

Estas fontes afirmaram que é apenas uma questão de tempo para o país requisitar ajuda ao órgão do bloco encarregado de auxiliar países-membros em dificuldades financeiras, o Fundo Europeu para Estabilidade Financeira (EFSF, na sigla em, inglês).

Segundo estimativas iniciais, o valor do pacote seria de 60 bilhões a 80 bilhões de euros (entre R$ 140 bilhões a quase R$ 190 bilhões).

O governo irlandês negou que estejam ocorrendo negociações a respeito de um pacote de ajuda e a União Européia disse que não comentaria publicamente o assunto.

Recessão

O analista econômico da BBC Joe Lynam disse que qualquer pacote de ajuda deve ser anunciado apenas no mês que vem.

"Ao contrário da Grécia em maio último, a Irlanda não precisa pedir dinheiro emprestado ao mercado antes do fim do ano", afirmou Lynam.

"Agora que tiveram início as negociações com autoridades europeias, o governo irlandês enfrenta o embaraço de gerenciar um país oficialmente ainda o terceiro europeu mais rico, ao mesmo tempo em que sabe que ingressará no clube de nações que precisam sair com o chapéu na mão para pedir empréstimos a colegas da zona do euro", diz ele.

Desde 2008, a Irlanda vem sofrendo a pior crise no mercado de residências entre as economias desenvolvidas, com o valor das propriedades caindo entre 50% e 60%.

O país prometeu diminuir seu déficit público dos atuais 12% para 3% até 2014. Espera-se que o governo anuncie mais medidas de contenção de despesas quando divulgar o próximo orçamento, em dezembro.

Mas investidores dizem temer que os cortes piorem a já dura recessão irlandesa, levando o governo a arrecadar ainda menos impostos.

Notícias relacionadas