Queda na bolsa de valores gera confrontos na capital do Bangladesh

Protesto em Bangladesh
Image caption Os investidores se revoltaram com queda de mais de 9%

A polícia de Bangladesh entrou nesta segunda-feira em confronto com investidores na capital do país, Daca, após a bolsa de valores local ter registrado sua maior queda em um único dia em 55 anos de história.

Negócios na bolsa de valores de Daca foram suspensos após uma queda de 9,25% em menos de uma hora.

Ruas de acesso ao prédio da bolsa foram fechadas, e policiais usaram cacetetes para retirar os investidores enfurecidos da área.

A multidão destruiu veículos e acendeu fogueiras em cruzamentos.

Também houve violência na cidade portuária de Chittagong, que tem sua própria bolsa.

Telefonia

Bangladesh é um dos países mais pobres da Ásia, mas as duas bolsas de valores do país atraíram milhares de pequenos investidores nos últimos anos, alimentadas pela grande valorização nas ações de empresas de telefonia celular nacionais e outras companhias.

Nas últimas semanas, no entanto, circularam rumores de que grandes investidores institucionais haviam retirado seu dinheiro após obter lucros maciços.

Como resultado, em pânico, cada vez mais investidores vêm vendendo suas ações.

A primeira-ministro do país, Sheikh Hasina, ordenou uma investigação sobre o problema, e o ministro das finanças anunciou que o governo deve, em breve, privatizar algumas empresas estatais, dando novo impulso ao mercado.