Escola australiana suspende alunos que fizeram ranking de professoras

BBC Direito de imagem other
Image caption Estudantes usaram site para dar notas às professoras mais atraentes

Mais de 50 alunos de uma escola católica da cidade australiana de Brisbane, no nordeste do país, foram suspensos depois de usar um site de relacionamentos para fazer um ranking das professoras mais atraentes.

O estudante responsável por criar a página foi identificado e suspenso do Villanova College, localizado no subúrbio de Coorparoo, na última quarta-feira. Os demais participantes foram punidos depois dele.

Os 52 alunos envolvidos no caso, todos do ensino médio, ainda terão de participar de encontros individuais com cada uma das professoras antes de voltar às aulas, segundo informa a mídia australiana.

"A página convidava os visitantes a dar notas a mulheres integrantes da equipe do colégio, de acordo com critérios que eram ofensivos e de uma natureza pessoal", disse o diretor da escola, Dennis Harvey, em um comunicado.

"Este tipo de comportamento é inaceitável e não tem lugar em Villanova", afirmou.

A escola já teria tirado do ar o conteúdo publicado a respeito das professoras. Segundo o jornal Brisbane Times, o site de relacionamentos no qual a página foi publicada é desconhecido.

De acordo com o jornal Courier Mail, o diretor do Villanova College diz que a instituição agiu imediatamente e encorajou os alunos a compreender as consequências de seus atos.

"Os estudantes são encorajados a verbalizar as suas más condutas e a assumir a responsabilidade por seu comportamento e suas consequências reais junto aos outros", disse Harvey.

Notícias relacionadas