casamento real

Kate Middleton veste modelo da grife Alexander McQueen

Para executar este conteúdo em Java você precisa estar sintonizado e ter a última versão do Flash player instalada em seu computador.

Tocar com outro programa

Após meses de especulação, chegou ao fim o mistério cuja resposta permaneceu guardada a sete chaves pelos organizadores do casamento real britânico: o estilo e o estilista do vestido escolhido por Kate Middleton para seu grande dia.

O vestido longo, de cor marfim, de mangas rendadas, que deixava entrever os ombros de Kate, tem 2,70 metros de cauda. Sob o véu, a noiva usou uma tiara de diamantes - emprestada pela rainha - e dois delicados brincos de brilhantes.

A peça foi desenhada por Sarah Burton, diretora de criação da grife fundada por Alexander McQueen, um ícone da moda britânica falecido no ano passado.

A escolha de um McQueen suscita paralelos com a história de Kate, plebeia agora trazida à realeza por ocasião desta cerimônia.

No vestido criado por ele, a filha de Carole e Michael Middleton foi alçada a Duquesa de Cambridge.

Kate a caminho da igreja com o pai, Michael Middleton (Foto: Reuters)

Sob o véu, Kate portou tiara de diamantes e brincos de brilhante

O próprio estilista foi uma figura "emergente" na sociedade britânica, criado no bairro nada glamouroso de Stratford, no leste de Londres, filho de um taxista e de uma professora de ciências sociais.

O anúncio de que William e Kate se convertem a partir de agora em Duque e Duquesa veio do gabinete da própria rainha Elizabeth 2ª, nesta sexta-feira.

Mãos lavadas

O vestido usado por Kate Middleton tinha um espartilho coberto por tecido rendado, uma saia longa e um véu.

A renda bordada a mão pela Escola Real de Costura, que funciona no Palácio Hampton Court, trazia como motivos rosas, cardos, narcisos e trevos.

Os motivos foram aplicados sobre a renda. Cada um foi costurados a uma distância de 2 ou 3 milímetros.

Os trabalhadores lavavam suas mãos a cada 30 minutos para manter a renda e as costuras intactas. As agulhas foram renovadas a cada três horas, para mantê-las sempre afiadas e limpas.

Todos os tecidos usados no vestido foram fornecidos por companhias britânicas.

Para o estilista alemão Karl Lagerfeld, o vestido usado pela futura rainha era "elegante e chique". "É muito bonito, e relativamente clássico, mas isso segue a decoração, com um pequeno toque dos anos 1950", disse ele à TV francesa.

Kate Middleton no vestido McQueen entre contemporâneo e tradicional (Foto: PA)

Vestido tem 2,70 metro de cauda

A revista de moda Grazia, por sua vez, comparou o vestido de Kate Middleton com o usado por Grace Kelly em seu casamento com o príncipe Rainier 3º de Mônaco, em 1956.

A tiara de diamantes usada por Kate foi fabricada pela Cartier em 1936 e comprada pelo pai da rainha Elizabeth 2ª, o duque de York (e posteriormente rei George 6º), para sua duquesa (posteriormente a rainha-mãe Elizabeth) três semanas antes de suceder seu irmão como rei.

A tiara foi presenteada à atual rainha pela mãe na ocasião de seu 18º aniversário.

O buquê de Kate Middleton mistura murtas e lírios-do-vale, entre outras flores. Ele foi criado por Shane Connolly.

O príncipe William se casou usando o uniforme de coronel da Guarda Irlandesa, com um paletó vermelho e uma faixa azul.

Especulações

No fim da tarde de quinta-feira, a poucas horas da cerimônia, a onda de especulações sobre quem seria o estilista do vestido real foi alimentada depois que uma "mulher misteriosa" foi flagrada pelas câmeras de cinegrafistas e fotógrafos saindo de um carro e entrando furtivamente no hotel Goring, no bairro de Belgravia, onde a noiva e sua família passaram a noite da véspera.

A mulher, que levava um objeto sob o casaco, usava um gorro de pele que especialistas em moda identificaram como sendo uma peça da grife McQueen. O fato reforçou as suspeitas de que se tratava de Burton.

Estima-se que 2 bilhões de espectadores em todo o mundo tenham os olhos postos no vestido e o elemento surpresa para tão importante ocasião é tão crucial que, em 1981, os estilistas do vestido de Diana Spencer criaram uma segunda peça caso a primeira fosse revelada antes do tempo.

Diana caminhou para o altar usando um grande e fofo vestido no melhor estilo “merengue”, de seda e largas mangas, assinado por David e Elizabeth Emanuel.

O casamento de Diana Spencer com o príncipe Charles, em 1981

Para o casamento de Diana, estilistas criaram duas peças

O casal de estilistas havia acabado de sair da faculdade de moda quando recebeu a encomenda que mudaria a sua vida. A transformação que começou assim que a imprensa ficou sabendo que eles haviam recebido o pedido.

Segundo a estilista, os jornalistas vasculhavam as suas latas de lixo, diziam que seriam demitidos se não obtivessem informações, alugaram um escritório em frente ao ateliê deles e até tentaram subornar a sua equipe.

Milhares de pessoas se concentraram na frente da abadia de Westminster para estar entre as primeiras descobrir, ao vivo e com os próprios olhos, a resposta de tão bem guardado segredo.

Para driblar a imprensa e despistar os rumores, a estratégia tem sido criativa.

O ex-editor do tabloide Daily Mirror James Whitaker, por exemplo, disse suspeitar que fontes do próprio Palácio tenham se encarregado de distribuir propositadamente fotografias dos Middleton em frente à loja de Oldfield, para enganar os jornalistas.

Variedade

A imprensa já vinha dando como certo que recairia sobre um britânico a tarefa de desenhar a peça da cerimônia principal, na abadia de Westminster.

Entretanto, Kate usará três vestidos nesta sexta-feira: além do de noiva, uma segunda peça para a recepção e para o tão aguardado beijo na sacada do Palácio de Buckingham, e um terceiro para a festa noturna.

Entre outros 'cotados' para fornecer essas vestimentas estão outros estilistas britânicos emergentes, como Sophie Cranston, Alice Temperley e Bruce Oldfield.

Especula-se que um dos vestidos usados por Kate poderiam ser da brasileira Daniella Helayel, que desenhou a peça usada pela noiva no anúncio do noivado.

A marca de Helayel, Issa, está entre as favoritas de Middleton.

Tópicos relacionados

    BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

    Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.