Turista desaparecida por sete semanas é encontrada nos EUA

Direito de imagem BBC World Service
Image caption Rita e o marido Albert estavam sendo procurados desde fins de março.

Uma turista canadense de 56 anos de idade desaparecida desde março foi encontrada viva em uma área remota dos oeste americano, segundo a imprensa local.

Segundo o jornal americano Idaho Stateman, Rita Chretien se recupera no hospital. Equipes de resgate seguem procurando por seu marido, Bryant.

A caminhonete do casal quebrou em uma estrada quando eles viajavam pela região rumo a Las Vegas, segundo a polícia.

Albert, de 59 anos, deixou a esposa no veículo para procurar ajuda.

Caçadores encontraram a mulher e alertaram a polícia. Ela foi transportada de helicóptero até um hospital.

A polícia disse que as condições meteorológicas na região, uma das menos povoadas dos EUA, incluíram chuva, neve e temperaturas muito baixas.

Um dos filhos do casal, Raymond, disse à agência Associated Press que a mãe perdeu de 9 a 14 kgs durante as sete semanas e classificou o fato de ela ser encontrada viva como “um milagre”.

Ela teria sobrevivido consumido a pequena quantidade de sanduíches que o casal levava para a viagem.

Notícias relacionadas