No Uruguai, Dilma assina acordos e consolida 'relação estratégica'

Dilma e Mujica (Reuters) Direito de imagem Reuters
Image caption Presidentes firmaram pactos em infraestrutura e tecnologia

A presidente Dilma Rousseff fez nesta segunda-feira uma breve visita ao Uruguai na qual consolidou o que chamou de "relação estratégica" entre os dois países com a assinatura de diversos acordos.

Ela e o colega uruguaio, José "Pepe" Mujica, firmaram tratados de cooperação em temas como segurança pública, habitação, saúde, popularização do acesso à internet em banda larga, atendimento a menores infratores e TV digital.

A brasileira chegou ao Uruguai por volta do meio-dia e foi recebida por Mujica no Laboratório Tecnológico do país, na capital, Montevidéu.

O lugar foi escolhido pelos presidentes para demonstrar a ênfase na "expansão do horizonte temático" bilateral, como definiu Dilma.

Depois de duas horas de reuniões com Mujica na Chancelaria uruguaia, Dilma disse que os países atravessam um "contexto ideal" para que sejam aprofundadas suas relações.

Dilma agradeceu a Mujica pela "calorosa hospitalidade" e expressou sua "satisfação em visitar o Uruguai", além de destacar a intenção de que sejam estabelecidos encontros bilaterais sistemáticos - "a cada 3 ou 4 meses", segundo Mujica.

"As decisões consolidam o que acreditamos ser uma relação estratégica que deve olhar para o futuro, e o futuro já chegou", disse Dilma.

"Somos uma das regiões que mais crescem no mundo, e esse é o futuro: ciência, tecnologia, inovação. É essa a visão de cooperação que o Brasil tem, além da proximidade geográfica que permite que nossas cadeias produtivas rompam fronteiras."

Pactos

Entre os pactos firmados, um dos ganhou destaque é o que estabelece a adoção, por parte do Uruguai, do padrão de TV Digital nipo-brasileiro.

Também foi confirmado pelos dois presidentes um projeto na área elétrica, como a construção de uma linha de transmissão de 500 kV (quilovolts) entre San Carlos, no Uruguai, e Candiota, no Brasil, com conclusão prevista para 2013.

Na área de infraestrutura, está andamento a construção uma nova ponte sobre o Rio Jaguarão (na fronteira entre os dois países) e a reativação de conexões ferroviárias.

Foram fechados ainda acordos de biotecnologia, nanotecnologia e tecnologia da informação.

Viajaram com Dilma ao Uruguai os ministros de Relações Exteriores, Justiça, Transportes, Cultura, Telecomunicações, Ciência e Tecnologia, Integração Nacional e Cidades.

Notícias relacionadas