Ausente da mídia após cirurgia, Chávez aparece com Fidel em TV estatal

Atualizado em  28 de junho, 2011 - 23:16 (Brasília) 02:16 GMT

TV cubana mostra imagens de Chávez

Líder venezuelano aparece com Fidel Castro em aparente boa saúde.

Para executar este conteúdo em Java você precisa estar sintonizado e ter a última versão do Flash player instalada em seu computador.

Formatos alternativos

Após 18 dias sem aparecer em público, o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, foi mostrado nesta terça-feira acompanhado do ex-líder cubano Fidel Castro, em vídeo transmitido pela TV estatal venezuelana.

Chávez está em recuperação em Havana desde 10 de junho, após ser submetido a uma cirurgia de emergência para remoção de um abscesso pélvico, segundo informou o governo.

No vídeo, Chávez - visivelmente bem disposto e com menos peso - aparece conversando com Castro, de pé, em um jardim.

Em outro cenário, ele e Castro aparecem sentados, conversando, acompanhados da filha mais velha do líder venezuelano. Em algumas imagens, os políticos são vistos com a edição desta terça-feira do jornal cubano Granma nas mãos.

“Essas imagens são de hoje. O presidente está se recuperando bem, está ativo”, afirmou o ministro de Comunicação Andres Izarra, logo após a transmissão das imagens.

Imagem divulgada pela TV estatal nesta terça mostra Chávez com Fidel Castro (AP)

Estado de saúde do presidente venezuelano tem sido alvo de especulações

A divulgação do vídeo ocorre em meio a uma crescente onda de rumores sobre o estado de saúde de Chávez.

Desde a cirurgia, o único detalhe sobre a operação foi dado dias depois pelo próprio Chávez, de 56 anos, quando afirmou por telefone ao canal estatal de TV que se recuperava bem.

A partir de então, começaram as especulações sobre a gravidade da operação ou da enfermidade do mandatário.

A imprensa local e alguns jornais internacionais, baseados em fontes anônimas, afirmam que Chávez poderia ter um câncer na próstata, razão pela qual continuaria sendo tratado em Havana.

A oposição tem criticado duramente o “silêncio oficial” e reivindica o direito de ser informada sobre o “real estado de saúde” do mandatário.

Sucessão

Logo após a transmissão do vídeo nesta terça, o vice-presidente Elias Jaua comentou que a aparição de Chávez era uma vitória do governo sobre seus adversários. Ele defendeu o “direito de recuperação” do presidente após a cirurgia que o deixou fora da cena política da Venezuela.

“O presidente não deixou de trabalhar ou de exercer suas competências constitucionais”, afirmou Jaua, que está à frente do governo desde que Chávez adoeceu.

De acordo com o Ministério de Comunicação, Chávez aprovou nesta terça-feira orçamento para dois projetos industriais e o conteúdo de comunicados oficiais - num deles, o governo venezuelano parabeniza a eleição do brasileiro José Graziano à presidência da FAO (braço da ONU para a segurança alimentar).

A saúde do líder venezuelano trouxe à tona preocupações entre membros e simpatizantes do chavismo quanto ao grau de dependência do governo em relação a Chávez e quanto à ausência de uma "direção coletiva" da revolução após 12 anos no poder.

Não há uma figura similar no campo governista, nem opositor, com o carisma e a popularidade do atual mandatário.

Sem a liderança de Chávez, se desataria uma disputa interna pela sucessão presidencial, que, na opinião de especialistas, não necessariamente representaria os "ideais" da revolução bolivariana.

Membros do partido do governo PSUV afirmam que Chávez deverá retornar ao país antes de 5 de julho. Sua presença é esperada no megadesfile em comemoração ao bicentenário da independência do país e para presidir a Cúpula de lançamento da CELAC (Comunidade dos Estados Latino-Americanos e Caribenhos), bloco de integração regional que exclui Estados Unidos e Canadá.

Leia mais sobre esse assunto

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.