Avião cai sobre arquibancada durante corrida aérea nos EUA

Jimmy Leeward em foto de 2010. Foto: AP Direito de imagem AP
Image caption Segundo mídia local, foram confirmadas as mortes do piloto (foto) e de mais duas pessoas

Pelo menos três pessoas morreram e mais de 70 ficaram feridas nesta sexta-feira depois que um avião caiu próximo a uma arquibancada durante uma corrida aérea perto da cidade de Reno, no Estado americano de Nevada, segundo informa a mídia local.

O aparelho, um P-51 Mustang da Segunda Guerra Mundial, caiu às 16h30 locais (20h30 em Brasília), durante a disputa do Campeonato Nacional de Corridas Aéreas.

Uma afiliada local da rede de TV americana ABC informa que, de acordo com relatos não confirmados, 12 pessoas teriam morrido no acidente.

No entanto, um autoridade médica confirmou apenas a morte do piloto do aparelho e de duas outras pessoas.

O Mustang, batizado de "o Fantasma Galopante", era conduzido pelo piloto Jimmy Leeward.

O presidente da Associação de Corridas Aéreas de Reno, Mike Houghton, disse a jornalistas que Leeward morreu no acidente.

O site do piloto afirma que ele havia disputado mais de 120 corridas aéreas, tendo também trabalhado como dublê em diversos filmes.

Pelo menos seis ambulâncias deixaram o local da queda, segundo afirma a emissora local Kolo-TV.

Vídeo

Um vídeo do acidente feito por um espectador mostra o avião despencando do céu e espalhando destroços por uma área ampla depois de chocar-se no solo.

Testemunhas dizem ter visto destroços e pedaços de corpos por toda a área do acidente.

Ronald Sargis, que estava sentado na tribuna, afirma que os espectadores podiam ver que o avião estava com problemas antes de cair.

"Cerca de seis ou sete reservados abaixo da gente, (o avião) se chocou na primeira fileira", disse Sargis à emissora KCRA-TV, de Sacramento (Califórnia). "(O avião) parece ter se pulverizado."

Segundo correspondentes, a competição - que atrai enormes multidões todo ano - funciona como uma espécie de corrida de carros em pleno ar, com as aeronaves voando a até 15 metros de altura, a grande velocidade.

Notícias relacionadas