Carro feito com impressão 3D é exibido no Canadá

O carro Urbee, exibido no Canadá Direito de imagem Urbee
Image caption Veículo poderia ser modelo de automóvel prático e que se vale de recursos renováveis

Um carro produzido a partir de tecnologia de impressão em terceira dimensão, está sendo exibido no Canadá.

O carro ambientalmente correto Urbee utiliza motor elétrico, um motor extra movido a etanol e é capaz de fazer 85 quilômetros com um litro.

Apesar de o veículo estar sendo desenvolvido há anos, o carro completo nunca havia sido exibido antes.

Atualmente, só existe um carro Urbee, mas os fabricantes querem passar a produzir o veículo comercialmente a partir de 2014.

O carro foi construída a partir do processo conhecido como fabricação aditiva, através do qual um objeto tridimensional é criado por sucessivas camadas de material para formar objetos sólidos.

Atualmente, apenas a ''carroceria'' do carro é impressa, mas Kor conta esperar que outras partes do carro venham a ser produzidas por meio de impressão também no futuro

O carroceria foi produzida por uma empresa especializada em Minneapolis, nos Estados Unidos, chamada Stratasys, que produz impressoras em 3D.

O processo de impressão contribuiu para as credenciais ambientais do veículo, segundo Jim Kor, que coordenou a fabricação do automóvel.

''Só se coloca material onde se precisa. É um processo de adição de peças, construindo, essencialmente, uma 'molécula' de material por vez, sem promover qualquer desperdício, ao final do processo'', afirmou Kor, que exibiu o veículo durante o evento TEDxWinnipeg.

''Esse processo pode utilizar vários materiais e nosso objetivo é o de usar materiais inteiramente recicláveis'', acrescentou Kor.

Impressão

Normalmente, a impressão em terceira dimensão ou prototipagem é utilizada para criar protótipos de produtos.

O processo também é utilizado em variados ramos de produção, como joalheria, calçados, arquitetura, automotivo, aeroespacial e indústrias de desenvolvimento médico.

Além do mais, a impressão em terceira dimensão é cada vez mais utilizada para distribuir objetos sem que seja necessário transportá-los.

Entre as atividades que poderão se beneficiar desta tecnologia está a medicina, já que equipamentos e até mesmo próteses teriam potencial pare serem impressos.

''Esse processo poderá revolucionar a nossa maneira de fazer coisas. Seguramente, ele já mudou a minha forma de pensar a respeito do processo de produção'', afirmou Kor.

Miniatura x king size

Ele destacou que os mesmos arquivos de computador usados para criar protótipos em miniatura foram usados para fabricar a versão em tamanho normal.

Foi por esse motivo, afirmou, que ele já sabia de antemão que todas as peças da carroceria do Urbee iriam se encaixar perfeitamente.

Direito de imagem urbee
Image caption Veículo conta com um chassi de aço inoxidável

O veículo conta com um desenho aerodinâmico e foi projetado para obter o máximo de eficiência com o mínimo de combustível e é capaz de alcançar velocidades que variam de 60 a 70 quilômetros por hora.

Além de carregar as baterias a partir do seu motor de bioetanol, ele pode também gerar energia elétrica a partir de painéis solares, potencialmente reduzindo o consumo de combustível a quase zero.

Os preços estimados para o Urbee variam entre US$ 10 mil (cerca de R$ 17 mil) e US$ 50 mil (cerca de R$ 85 mil). O valor definitivo do produto dependerá se ele atingir produção em massa.

''Este será o primeiro veículo prático, capaz de circular pelas estradas e que dependerá exclusivamente de energia renovável'', afirmou Jim Kor.

Notícias relacionadas