Fotógrafo se arrisca em busca de close up de ursos

Igor Gushchin não poupa esforços para se aproximar e conseguir os melhores ângulos do animal.

Foto: Caters
Legenda da foto,

Igor Gushchin não poupa esforços para chegar perto e conseguir os melhores cliques de ursos selvagens. (Foto: Caters)

Legenda da foto,

Um dos ursos chega a encostar o focinho na lente. 'Nunca pensei que um deles se aproximaria tanto assim de mim', diz. (Foto: Caters)

Legenda da foto,

Gushchin fotografa animais selvagens desde 2005. Os ursos marrons são da espécie Kamchatka e vivem no no parque natural Kronotsky. (Foto: Caters)

Legenda da foto,

Os ursos Kamchatka quase entraram em extinção. Mas a espécie voltou a se expandir, sob proteção no parque Kronotsky. (Foto: Caters)

Legenda da foto,

A caça é proibida no parque Kronotsky, onde os ursos vivem livremente, após perigo de extinção. (Foto: Caters)

Legenda da foto,

'É impossível eliminar o risco de ficar tão perto de ursos selvagens. Eu não recomendaria a ninguém tentar e repetir essa experiência', diz o fotógrafo. (Foto: Caters)

Legenda da foto,

Os ursos parecem estar à vontade nas fotografias de Gushchin. 'O contato entre humanos e ursos é extremamente raro', diz. (Foto: Caters)

Legenda da foto,

Gushchin e um assistente ficam a poucos metros dos animais. 'Aprendemos o comportamento dos ursos e nos guiamos por regras estritas de segurança', diz. (Foto: Caters)