Combates ocorrem em cidades sírias

Violentos combates prosseguem neste sábado na capital síria, Damasco, e em Aleppo, um dia depois de a Assembléia Geral da ONU ter adotado uma resolução criticando o país por seu uso de armas pesadas.

Em Aleppo o governo estaria usando aviões caças e helicópteros contra rebeldes que tentam tomar o prédio da TV estatal.

O último reduto rebelde em Damasco foi alvo de fortes bombardeios.

ONGs que monitoram o conflito sírio dizem que julho foi o mês mais violento desde o início do levante contra o governo do presidente Bashar al-Assad em março de 2011 com o número de vítimas fatais chegando a mais de 21 mil pessoas.