Gondoleiros de Veneza podem enfrentar bafômetro

Gondoleiro na Ponte do Rialto, em Veneza | Foto: BBC
Image caption Trote com assistente de gondoleiro foi parar no YouTube

Gondoleiros de Veneza, na Itália, podem ser submetidos a testes-surpresa para verificar o uso de drogas e álcool depois de relatos sobre o comportamento "inapropriado" de alguns dos motoristas dos barcos tradicionais.

As denúncias fizeram com que o presidente da associação de gondoleiros da cidade, Nicola Falconi, propusesse os exames, de acordo com a agência de notícias italiana Ansa. Falconi afirmou que é importante lidar com o "problema crescente".

O assunto foi trazido à tona quando imagens de um "trote" recente apareceram no YouTube.

No vídeo, que depois foi retirado do site, um homem aparece tirando a roupa e pulando em um canal da cidade. O jovem veneziano parecia participar de um ritual para se tornar assistente de gondoleiro.

Em um comunicado, vereadores da Câmara Municipal de Veneza pediram a revogação imediata das licenças dos gondoleiros envolvidos no incidente.

As autoridades disseram que os gondoleiros "representam Veneza para o mundo" e, portanto, deveriam respeitar "o espírito humano da cidadania veneziana".

Falconi disse à Ansa que irá formalizar a proposta de realizar testes aleatórios com os gondoleiros à câmara municipal na próxima segunda-feira.

Os testes seriam aplicados a todos os que operam barcos nos canais da cidade, "desde os motoristas de ônibus anfíbios a ajudantes de navios", segundo Falconi.

Notícias relacionadas