Kate Middleton está grávida do segundo filho

Kate Middleton Direito de imagem AFP
Image caption Kate Middleton e príncipe William tiveram o primeiro filho, George, em julho de 2013

A família real britânica anunciou nesta segunda-feira que a duquesa de Cambridge, Kate Middleton, está grávida do seu segundo filho.

O primeiro filho de Kate e do príncipe William, George, nasceu em julho de 2013.

William e George estão na linha direta de sucessão ao trono real, depois do príncipe Charles. O novo filho entraria também na linha de sucessão, no quarto lugar, atrás de Charles, William e George.

Em um comunicado oficial, a família real afirmou que a rainha Elizabeth 2ª e todos os familiares estão contentes com a notícia.

Kate Middleton está sofrendo com fortes enjoos, a exemplo do que aconteceu na sua primeira gravidez. Ela está sob os cuidados dos médicos do Palácio de Kensington.

Os fortes enjoos fizeram com que Kate antecipasse o anúncio da gravidez em alguns dias, antes do período de 12 semanas, como é costumeiro na Grã-Bretanha. Isso já havia acontecido na primeira gravidez.

Kate Middleton sofre com uma condição conhecida como "hyperemesis gravidarum", que afeta apenas 3,5 em cada mil casos de gravidez. A doença provoca forte desidratação, perda de peso e vômito.

A família real temia que a presença dos médicos no Palácio alimentassem boatos falsos sobre sua saúde, por isso resolveram anunciar logo a gravidez.

O premiê britânico, David Cameron, disse, em sua conta no Twitter, que está "encantado com a notícia feliz de que eles estão esperando outro bebê".

O anúncio foi feito a poucos dias de um referendo na Escócia decidir sobre a independência da nação em relação ao Reino Unido. A rainha Elizabeth 2ª teria manifestado insatisfação com uma pesquisa recente, que aponta que os escoceses aprovarão a independência nas urnas.

Para analistas, o anúncio do novo bebê real deve agora ofuscar, na imprensa britânica, a cobertura sobre a relação entre a rainha e o referendo.

Notícias relacionadas