Menino cego boliviano de nove anos é prodígio do jazz

Menino cego boliviano de nove anos é prodígio do jazz

Um prodígio do jazz, de apenas nove anos de idade, está conquistando fãs em toda a América Latina.

Legenda da foto,

José já tinha uma banda de jazz aos cinco anos

O garoto boliviano José André Montaño é cego, mas aprendeu a tocar bateria e piano aos quatro anos.

Aos cinco anos, ele formou um trio de jazz e já se apresentou em todo o país, além de Brasil e Peru.

Durante o Festival Internacional de Jazz de La Paz, ele conquistou também colegas músicos, que elogiam seu talento para o improviso.