Suécia reconhece Estado Palestino

Foto: EPA Direito de imagem EPA

A Suécia reconheceu oficialmente nesta quinta-feira os territórios palestinos como Estado, tornando-se o primeiro país da Europa Ocidental a tomar a decisão.

A ministra sueca das Relações Exteriores, Margot Wallström, disse à imprensa local que a decisão tem como objetivo contribuir com uma região marcada por impasses, guerras e frustração.

A maioria dos 193 países da ONU já reconhece o Estado Palestino – incluindo o Brasil. Na Europa, alguns países do leste europeu também reconheceram o status dos territórios palestinos, principalmente quando faziam parte do bloco comunista.

Porém, quando a Suécia anunciou, no início do mês, a intenção de reconhecer os territórios palestinos, os EUA disseram que a decisão seria prematura.

Desde novembro de 2012, a Assembleia Geral da ONU aprovou uma moção mudando o status da delegação palestina de “entidade” para representantes de “Estado observador não-membro” da organização.

Notícias relacionadas