Juiz nos EUA aceita tênis como pagamento de fiança

BBC
Image caption Modelo exato dos tênis Nike entregue por réu não foi divulgado

Um homem no Estado americano do Massachusetts evitou a prisão por falta de pagamento de custos judiciais ao deixar um par de tênis Nike de US$ 85 (R$ 230) como fiança.

O juiz Douglas Stoddart aceitou o depósito incomum após oferecer a Jason Duval, acusado de delitos ligados a drogas, a chance de "ser criativo". As acusações são relativas a 2012, e Duval, de 39 anos, disse não poder arcar com os custos após passar por um custoso processo de divórcio.

Ele poderá recuperar os tênis se pagar US$ 100 ou prestar 10 horas de serviço comunitário.

Leia mais: Cantora pop foge para evitar prisão após ser vítima de 'vingança pornô' em Uganda

Duval foi originalmente acusado pela posse de substância da classe B - duas vezes -, posse de substância da classe C e condução perigosa. Ele disse não poder pagar os US$ 450 dos custos judiciais que encerrariam o caso.

O juiz Stoddart, do Tribunal Distrital de Framingham, em Massachusetts, disse que não confiava em Duval o suficiente para libertá-lo sem o pagamento da fiança. Mas lhe ofereceu uma saída: "Se você vier com uma ideia criativa para me convencer de que você vai voltar, eu vou colaborar contigo".

Após a apresentação dos novos tênis, que Duval disse terem sido um presente de Natal, o juiz pareceu satisfeito: "OK, vamos aceitá-los".

Notícias relacionadas