Empresa se desculpa, mas mantém cerveja de Gandhi

New England Brewing Company Direito de imagem New England Brewing Company
Image caption Cervejaria disse que parentes "admiraram" o rótulo da cerveja

Uma cervejaria americana se desculpou por colocar uma foto do herói da independência indiana Mahatma Gandhi em suas latas de cerveja, mas não indicou que o produto será retirado de circulação.

A medida da cervejaria New England Brewing Company ocorreu após uma petição num tribunal indiano que afirmava que a cerveja Gandhi-Bot "insultava" o líder. Um advogado entrou com a ação na cidade de Hyderabad alegando que a imagem de Gandhi em latas de bebidas alcoólicas era "condenável" e punível nos termos das leis indianas.

Leia mais: 'Creme de virgindade' gera polêmica na Índia

Gandhi liderou a resistência não-violenta ao domínio britânico na Índia. Ele foi assassinado em janeiro de 1948, meses após a independência indiana.

A empresa diz em seu site que a cerveja - uma pale ale indiana - é uma "ajuda ideal para autopurificação e na busca da verdade e do amor". A companhia se desculpou, mas não deu indícios de que o produto será recolhido do mercado.

"Pedimos desculpas ao bom povo da Índia que considerou ofensivo o nosso rótulo Gandhi-Bot. Nossa intenção não é ofender ninguém mas homenagear e celebrar um grande homem que respeitamos muito", disse Matt Westfall, sócio da cervejaria, com sede em Connecticut, em e-mail à agência de notícias Press Trust of India.

Ele disse esperar que o produto inspire pessoas "para que conheçam mais sobre Mahatma Gandhi e seus métodos não-violentos de desobediência civil. Muitos indianos aqui nos Estados Unidos amaram nossa homenagem ao grande homem."

Westfall disse que a "neta e neto de Gandhi viram o rótulo e expressaram admiração". Não ficou claro a que parentes a empresa estava se referindo.

"Esperamos que vocês entendam nossa verdadeira intenção e respeitem o método e a liberdade que temos de mostrar nossa reverência por Gandhi."

Notícias relacionadas