BBC
A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

Câmera de segurança flagra prisão de prefeito de Caracas

Imagens de câmeras de segurança flagraram o momento em que o prefeito de Caracas, Antonio Ledezma, foi preso na quinta-feira por agentes do serviço de inteligência da Venezuela.

Ledezma é um dos principais opositores do presidente, Nicolás Maduro. Pessoas que estavam perto do gabinete do prefeito disseram ter sido possível ouvir tiros para o alto.

A prisão do prefeito ocorre dias após o governo anunciar ter desmantelado um suposto golpe de Estado que envolveria militares da ativa e políticos opositores.

Neste suposto plano, aviões Tucano seriam usados para bombardear algumas áreas de Caracas.

Maduro disse que irá combater com "punho de ferro" o que chamou de "conspiradores". Em discurso, ele pediu apoio da população para liquidar as tentativas de derrubar seu governo.

Políticos antichavistas veem na detenção de Ledezma um sinal da radicalização dos métodos de repressão contra opositores e uma manobra para tirar o foco dos problemas econômicos e de desabastecimento que afetam a população.

Leia mais: Maduro cita golpe, confirma prisão de prefeito e pede 'punho de ferro contra conspiradores'

Leia mais: Em meio à crise econômica, escassez e filas viram 'negócio' na Venezuela