Incêndio florestal de grandes proporções ameaça cidades chilenas

Fumaça sobre Valparaiso (Foto: AFP) Direito de imagem AFP
Image caption Mais de 4,5 mil pessoas foram retiradas de áreas ameaçadas por incêndio florestal no Chile

Autoridades chilenas declararam estado de emergência após um incêndio florestal de grandes proporções forçar milhares de pessoas a deixar suas casas.

O incêndio está ameaçando as cidades costeiras de Valparaiso e Vina del Mar.

O Ministério do Interior disse que 4,5 mil pessoas já foram retiradas da região e outras 10 mil ainda serão removidas.

Leia mais: Incêndio atinge Marina Torch, um dos maiores prédios do mundo

A cidade de Valparaiso ainda se recuperava de um incêndio florestal que matou 15 pessoas, feriu 500 e destruiu 3 mil imóveis em abril do ano passado.

O incêndio atual começou na tarde de sexta-feira em um lixão ilegal. Segundo autoridades, o vento fez o fogo se espalhar rápido.

Áreas residenciais

O governo chileno disse que mais de 300 hectares de mata já haviam sido atingidos até a noite de sexta-feira. Equipes de bombeiros e voluntários passaram a noite tentando impedir que as chamas atingissem áreas residenciais.

Ao menos três bombeiros se feriram e uma mulher de 67 anos morreu devido a problemas cardiopulmonares.

No ano passado, as áreas que mais sofreram com o fogo foram as regiões mais pobres de Valparaiso, onde a maioria das casas é de madeira.

A maioria das vítimas morreu queimada após se recusar a deixar suas casas.

Direito de imagem Reuters
Image caption Ao menos três bombeiros se feriram combatendo fogo no Chile.